Samsung começará 2018 da melhor forma, crescimento anual de 50%

Rui Bacelar
Samsung Galaxy S9 AR Emoji
2018 poderá ser um dos melhores anos de sempre para a fabricante sul-coreana.

A fabricante sul-coreana Samsung deverá fechar o primeiro trimestre de 2018 com lucros de 13.81 mil milhões de dólares, o equivalente a 11,12 mil milhões de euros. Com efeito, estas são as previsões da agência de análise de mercado, a WISEfn em declarações à publicação Business Korea. Será assim um dos melhores inícios de ano para esta fabricante de dispositivos móveis.

Com a fabricante sul-coreana a registar 9.1 mil milhões de dólares ou 7,4 mil milhões de euros durante o primeiro trimestre de 2017 temos aqui um crescimento anual de cerca de 50%. As expectativas desta agência de análise de mercado apontam assim que 2018 será um dos melhores anos para a Samsung.

Vê ainda: Xiaomi Mi Band 3 possuirá um ecrã bem mais interativo

Mais ainda, a fabricante sul-coreana deverá fechar o primeiro trimestre de 2018 com um valor de 57.8 mil milhões de dólares ou 47,6 mil milhões de euros. Valor que pode representar as receitas provenientes das vendas durante o primeiro trimestre de 2018 e que nos mostram um forte crescimento.

Todavia, os primeiros trimestres de cada ano costumam ser os períodos mais brandos par a Samsung comparando com os demais trimestres do ano. Ainda assim, este ano de 2018 poderá ser um novo recordista. Mais ainda, espera-se que a Samsung feche o primeiro trimestre muito perto do último trimestre de 2017. Seria neste último trimestre de 2017 que a Samsung totalizaria um lucro operacional de 14.25 mil milhões de dólares, o equivalente a 11,6 mil milhões de euros.

Será 2018 um dos melhores anos para a Samsung?

As mais recentes estimativas de mercado baseiam-se numa séria de previsões feitas por empresas de segurança e análise de mercado. Mais ainda, as análises preliminares seriam avançadas por várias empresas sul-coreanas, familiares com os desígnios da Samsung. Com efeito, a Samsung deverá anunciar o relatório fiscal consolidado, referente ao 1º trimestre de 2018, até ao final do mês de abril. Aí veremos as principais alterações nos seus diversos ramos de operação. Aqui poderemos ver uma quebra nos números do departamento de memórias, chips e departamento de ecrãs / displays.

Departamentos de memórias, chips e ecrãs / displays poderão cair

Samsung Galaxy A6 Samsung Galaxy S9 Galaxy Note 9 Samsung Android Oreo Samsung Galaxy Note 9 Android Oreo Galaxy Note 8
Depois de terem apresentado os novos Galaxy S9 as atenções já estão postas nos próximos Note. Mais ainda, teremos também os próximos Galaxy A e J. ©reuters

O mais recente relatório e as estimativas da indústria "pintam" assim um cenário extremamente positivo para a Samsung. Cenário que poderia ser ainda melhor não fosse a previsível quebra nos departamentos de ecrãs e de produção de memórias, chips e semi-condutores.

Aqui o grande culpado poderá ser o iPhone X da Apple. Ora, este é o terminal que terá reduzido o volume de encomendas. Até aqui nada de extraordinário. Todavia, sendo ele o maior destinatário dos ecrãs OLED da Samsung é inevitável que o departamento de ecrãs da Samsung possa sofrer. Ainda assim, este revés não deverá ser o suficiente para abalar as suas fortes bases.

Mais ainda, os Samsung Galaxy S9 e Samsung Galaxy S9 Plus poderão ajudar a marca a reforçar os seus números. Ora, apesar de algumas fontes apontarem fracas vendas dos terminais no mercado natal da Coreia do Sul. Ainda assim, a sua recepção nos demais mercados estará a ser bastante positiva. Caso tal não suceda, a marca já terá um trunfo a ser preparado, a próxima geração dos Galaxy Note 9.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Motorola Moto G6 e Moto G6 Play podem chegar às lojas em maio

Huawei Honor 7A, com Android Oreo, já é oficial por 130€

OnePlus 6. Smartphone Android confirma agora o seu design e o seu preço

Fonte |

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).