Samsung com câmara debaixo do ecrã mais perto. Design pode ser este

Bruno Coelho
Comentar

Como faz habitualmente, a Samsung realiza em agosto o seu habitual evento Unpacked. Ao contrário de outros anos, este não terá como grandes protagonistas os novos Galaxy Note. A fabricante optou por não desenvolver um modelo para este ano, mas a linha deve regressar em 2022.

Já os dois smartphones dobráveis da fabricante devem ter direito a novo modelo. Teremos um novo Galaxy Z Flip 3 e também um Galaxy Z Fold 3. Este último deve ser o primeiro equipamento da Samsung com câmara frontal debaixo do ecrã.

Samsung Galaxy Z Fold deve ser o primeiro smartphone da Samsung com a tecnologia

A Samsung terá registado uma nova patente que mostra como esta vai colocar a câmara frontal por baixo do ecrã. E os especialistas do LetsGoDigital puseram mãos à obra e deram-lhe “vida”.

Samsung Galaxy Z Fold 3
Conceito do Samsung Galaxy Z Fold 3. Crédito: LetsGoDigital

Como podemos ver nos esquemas partilhados pela fonte, a câmara frontal é colocada por baixo do painel no lado direito do ecrã interior. Ao seu lado está o painel de emissão de luz, e ao fundo o sensor de impressões digitais também embutido no ecrã.

Esquemas de patente do Samsung Galaxy Z Fold 3. Crédito: LetsGoDigital
Esquemas de patente do Samsung Galaxy Z Fold 3. Crédito: LetsGoDigital

Segundo a fonte, “ao usar uma placa de suporte colocada entre o ecrã e o módulo da câmara, a pressão exercida no painel não pode afetar negativamente o desempenho da câmara”. A documentação menciona ainda que, opcionalmente, poderão ser colocadas até três câmaras debaixo do ecrã.

Recorde-se que a notch colocada no primeiro Galaxy Fold era pouco atrativa, e a Samsung optou por um pequeno “buraco” no segundo modelo. O passo em frente é salutar, e esperamos vê-lo confirmado dentro de poucas semanas no evento oficial.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.