Samsung, Apple e Xiaomi: só uma conseguiu dominar em 2021

Bruno Coelho
Comentar

Os envios de smartphones decresceram 3,2% no último trimestre de 2021. Mas nem por isso deixou de ser um ano de crescimento global com um aumento de 5,7% nos envios. Quem o diz são os analistas da IDC.

No conjunto de 2021, o mercado global é sem surpresas liderado pela Samsung. Esta conta conta 272 milhões de envios, e 20,1% de quota de mercado. Cresceu 6% face há um ano, em que tinha registado 256,6 milhões de envios.

Logo atrás, vem a Apple com 235,7 milhões de envios e 17,4% de quota de mercado. A fabricante de Cupertino regista uma subida de 15,9% face ao período homólogo, onde contava com 203,4 milhões de envios.

Xiaomi é quem mais cresce em 2021, mas não passa do 3.º lugar

Já a Xiaomi registou o maior crescimento do TOP 5, com 29,3%. Registava 147,8 milhões de envios em 2020, tendo tido 191 milhões em 2021. Tal configura-se numa passagem de uma quota de mercado de 11,5% para 14,1%.

Seguem-se Oppo e Vivo, que têm agora 9,9% e 9,5% de quota de mercado, respetivamente. O declínio verifica-se no grupo das “outras fabricantes que há um ano eram responsáveis por 450,5 milhões de envios, e registaram 394,3 milhões em 2021 (uma queda de 12,5%).

Falando apenas do quarto trimestre de 2021, a Apple conseguiu ser a fabricante mais vendida graças aos iPhone 13. Regista neste período 84,9 milhões de envios, embora tenha caído 2,9% face ao mesmo período de 2020. A Samsung e a Xiaomi fecham a pódio, tendo sido as únicas a crescer deste grupo.

Editores 4gnews recomendam:

  • BOE revela monitor com taxa de atualização que te vai deixar pasmado
  • Samsung e Apple continuam a liderar o mercado europeu de smartphones
  • Samsung Galaxy S22 chegarão aos utilizadores mais tarde do que se previa
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.