spennote5

O novo Samsung Galaxy Note 5 modificou ligeiramente o seu mecanismo de alojamento da S Pen, por forma a ser mais elegante que os anteriores e ainda facilitar a vida aos utilizadores deste phablet. Um simples toque na S Pen fará com que a mesma se auto-ejete do local de alojamento.

Contudo este novo sistema veio sacrificar o pequeno mecanismo que impedia o utilizador de inserir a S Pen ao contrário. Dito desta forma parece uma coisa sem grande importância, mas que na prática poderá colocar em causa uma pequena parte da integridade do equipamento.

   

Sem um mecanismo de prevenção pode muito bem acontecer a qualquer utilizador, que num pequeno momento de distração, inserir a S Pen da forma incorreta e isso poderá danificar de forma permanente o novo mecanismo que auto-ejeta a S Pen. Isto significará que nunca mais serás capaz de voltar a retirar a S Pen do seu local de alojamento e, obviamente, deixas de poder tirar partido de todas as vantagens que este pequeno acessório trás à linha Note.

A Samsung já reagiu a estas noticias e a sua resposta parece um tanto quanto leviana, sem qualquer tipo de solução para o caso sem ser o cuidado por parte dos utilizadores. Para a fabricante sul-coreana é altamente recomendável a leitura do manual de instruções do equipamento, coisa que, sejamos sinceros, pouquíssimos o fazem. Nesse mesmo manual, mais especificamente na página 25, é de facto referido que a inserção da S Pen de uma forma incorreta pode danificar o equipamento irreversivelmente.

Mas por um lado até se compreende a reação da fabricante. Estando o equipamento desenhado desta forma já não existe muito mais a fazer se não apelar ao cuidado de cada um. Claro que o ideal teria sido o desenvolvimento, por parte da Samsung, de um novo mecanismo de segurança que prevenisse este problema. Mas assim sendo só resta mesmo alertar as pessoas para este problema afim de não virem a ter nenhum dissabor.

Talvez queiras ver:

O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.