Redmi K30 (Xiaomi Mi 10T) não vai ter problemas de stock, garante executivo

Bruno Coelho
1 comentário

A Redmi apresentou esta terça feira o seu smartphone Redmi K30. O terminal vai chegar ao mercado em variantes de 4G e 5G, e o diretor-geral da submarca da Xiaomi já veio a público garantir que não vai faltar stock.

Lu Weibing assegurou que, desta vez, a empresa preparou stock suficiente dos Redmi K30 antes de os começar a vender. O diretor-geral da Redmi viu-se obrigado a fazer esta declaração na rede social Weibo depois dos rumores de que haveria problemas de stock.

Um dos potencias problemas estaria na câmara do smartphone, que tem o sensor Sony IMX686. Segundo os rumores, este sensor teria enfrentado problemas técnicos na sua produção em massa.

Weibing fez questão de assegurar que esses são rumores falsos, e que os potenciais compradores não se devem preocupar. A variante 4G está disponível para venda na China já neste dia 12 de dezembro.

Versão global ainda vai demorar

No entanto, a variante 5G apenas vai ficar disponível em janeiro do próximo ano. Caso estejas à espera da sua versão global – presumivelmente com o nome Xiaomi Mi 10T – ainda terás de esperar mais uns tempos.

Mesmo com um controverso buraco no ecrã, o Redmi K30 5G não vai deixar de ser um dos intermediários mais interessantes do mercado muito em breve. O ecrã com 120Hz de taxa de atualização promete grande fluidez, e as suas câmaras são outro ponto de grande interesse.

Editores 4gnews recomendam:

  • Xiaomi Redmi K30 (4G) vai ser o teu melhor investimento em 2020!
  • Redmi K30 (Xiaomi Mi 10T) é oficial e chega com um preço inacreditável!
  • Os 20 melhores jogos grátis para PC em 2019
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.