Realme pode ser a primeira a estrear carregamento rápido alucinante ainda este mês!

Vitor Urbano
Comentar

Já há algum tempo que as fabricantes viram-se obrigadas a apostar no desenvolvimento das capacidades de carregamento dos seus smartphones, visto que chegaram ao limite no que respeita à capacidade das suas baterias. Não podendo aumentar as suas capacidades (para manter um perfil reduzido nos smartphones), o recursos a tecnologias de carregamento rápido foi inevitável.

Atualmente, a tecnologia SuperVOOC da Oppo é a mais rápida do mercado, carregando os seus smartphones a 65W, mas já há algum tempo que se fala de capacidades de carregamento acima dos 100W. Agora, novas informações apontam para a possibilidade da Realme ser a primeira fabricante a estrear uma tecnologia de carregamento rápido a 120W, chamada Ultra Dart.

A reliable source tells me that #realme’s developing a 100W+ fast charging tech to be revealed in July. It might be called "Ultra Dart" and can charge 1/3rd of a 4000mah+ battery in just 3 mins.As you can see in the image, 11660mA indicates almost 120W of charging speed. pic.twitter.com/tfjJZFHiPx

— Ishan Agarwal (@ishanagarwal24) 9 de julho de 2020

O reconhecido leaker Ishan Agarwal foi o responsável por esta leak, afirmando que a sua fonte aponta para uma estreia ainda este mês. Além disso, revela que esta tecnologia vai carregar 33% de uma bateria de 4,000mAh em apenas 3 minutos. O carregamento total deverá demorar menos de 10 minutos!

Realme vai voltar a tentar "passar a perna" à Xiaomi

Além dos avanços tecnológicos feitos pela Oppo, durante os últimos tempos temos ouvido falar regularmente da tecnologia de carregamento desenvolvida pela Xiaomi, que chegará também com suporte para 120W. Recentemente, vimos mesmo o novo carregador da marca ser certificado com suporte para esta tecnologia, que se acredita destinada ao Xiaomi Mi Mix 4.

Neste segmento, a Realme tem-se mantido bastante discreta, dando apenas agora o salto para o centro das atenções. Um antigo executivo da fabricante referiu recentemente na rede social chinesa Weibo que 100W de carregamento é "um bocado lento", deixando claro que a fabricante preparava algo superior.

A Realme tem constantemente andado atrás da Xiaomi, seguindo todos os seus passos e estratégias. Esta poderá ser uma boa oportunidade para tentarem saltar à frente da sua rival, sendo a primeira a implementar esta tecnologia num smartphone destinado aos utilizadores.

No entanto, existe também a possibilidade de que a marca acabe por apenas demonstrar a sua nova tecnologia, tal como a Xiaomi já fez no mês passado. Caso isso aconteça, vamos precisar de esperar mais algum tempo até que esta seja implementada num novo smartphone.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.