Realme apanhada a usar iPhone em apresentação, depois da batota no AnTuTu

Bruno Coelho
Comentar

A jovem marca Realme não vive os dias mais fáceis no que diz respeito a credibilidade. Recentemente foi apanhada a fazer “batota” na classificação do recém-lançado Realme GT na plataforma de benchmark AnTuTu. A plataforma acabaria mesmo por banir o smartphone por este ter usado software indeviado.

Durante a apresentação do Realme Narzo 30A no Bangladesh, a empresa com ligações à Oppo foi novamente apanhada em falso. A situação foi ainda mais constrangedora já que, numa demonstração do equipamento, foi apanhada a usar um iPhone durante um vídeo de apresentação.

A empresa contou com streamers a jogar naquilo que seria um Narzo 30A. No entanto, o aviso de “Guided Access”, que é exclusivo dos iPhone, fez soar os alarmes de que estaria a ser usado um telemóvel da Apple na demonstração.

Notificação exclusiva do iPhone apareceu em demonstração do Realme Narzo 30A

Esta mensagem de “Guided Access Started” (que podes ver acima) é exclusiva do iOS. E imediatamente a Realme se apressou a comentar o sucedido, admitindo que “devido à pandemia o vídeo de lançamento do Narzo 30A foi gravado com antecedência”.

A marca refere que o Narzo 30A foi o smartphone a ser usado pela equipa A1 de ESports. Contudo, afirmam que “um ficheiro errado foi acidentalmente enviado para o produtor, que levou ao aparecimento de um smartphone que não é da Realme (o iPhone) no vídeo”.

Resta aos consumidores avaliarem mais esta ação, depois da "fraude" que foi a pontuação do Realme GT no AnTuTu.

Editores 4gnews recomendam:

  • AnTuTu bane o smartphone Realme GT ao detetar indícios de fraude nos benchmarks
  • Realme 8 e Realme 8 Pro apresentados oficialmente. O segredo está na câmara
  • Realme GT 5G é oficial! Smartphone barato com o Snapdragon 888
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.