Realme 3 tornou-se mais popular que o Xiaomi Redmi Note 7 Pro

Vitor Urbano

Já não restam dúvidas de que a Realme se irá tornar na maior rival da Xiaomi. Especialmente depois do Realme 3 conseguir bater o número de vendas dos tão populares Xiaomi Redmi Note 7 Pro e Redmi Note 7. Este feito incrível foi alcançado durante o mês de março, onde o Realme 3 vendeu mais unidades que os smartphones da Redmi no mercado indiano.

A Realme continua a surpreender, apresentando um crescimento enorme durante o seu primeiro ano de existência. As excelentes ofertas que tem lançado no mercado fizeram com que se tornasse a quarta maior fabricante no segundo maior mercado do mundo, a Índia.

Realme 3 Xiaomi Redmi Note 7

Desde a sua apresentação que sempre colocámos o Realme 3 como principal rival do Redmi Note 7, e os resultados estão à vista. Ambos os smartphones são muito semelhantes, mas claramente, a relação preço/qualidade do Realme 3 acabou por se revelar mais aliciante para os utilizadores.

Realme continua a conquistar um lugar de destaque no segundo maior mercado do mundo

Os dados estatísticos para o número de vendas online na Índia foram divulgados pela Counterpoint Research, revelando que o Realme 3 alcançou 10,4% do total de vendas em março. Por sua vez, ambos os smartphones da Redmi alcançaram 10,2%. Depois de conseguir vender meio milhão de unidades durante as primeiras três semanas, o Realme 3 continua a apresentar-se como um dos smartphones mais populares na Índia.

Embora muitos duvidassem do possível sucesso da Realme, a fabricante continua a provar que chegou para agitar as águas no mercado dos smartphones. Depois do grande sucesso dos seus recentes lançamentos, a fabricante está também a prestes a apresentar o seu primeiro topo de gama, o Realme X Pro.

Este smartphone vai chegar equipado com o processador Qualcomm Snapdragon 885 e vai competir diretamente com o ainda por apresentar topo de gama Xiaomi Redmi. Uma vez mais, será interessante ver qual será a fabricante a sair vencedora deste novo duelo.

Xiaomi Redmi Note 7 Realme 3

Ambições da Realme são exatamente o que os utilizadores precisavam

Já há bastante tempo que a Xiaomi conseguiu monopolizar o segmento de smartphones gama-média, ainda que esteja apenas disponível através de lojas online em vários mercados. No entanto, a sua popularidade na Europa cresceu exponencialmente ao longo dos últimos anos, resultando na sua expansão em lojas físicas.

Ainda que os seus preços se tenham mantido abaixo da média quando comparados com a concorrência, a chegada da Realme aos mercados europeus são excelentes novidades para os utilizadores. Como já sabemos, competição apertada acaba por resultar em preços mais competitivos. Por isso, a 'batalha' entre estas duas fabricantes irá certamente resultar em preços ainda mais aliciantes para os utilizadores.

Será ainda interessante ver como é que as restantes fabricantes irão reagir aos próximos lançamentos destas duas marcas. Relembro que também a Honor se prepara para apresentar novos topos de gama, que deverão chegar como excelentes alternativas aos mais recentes topos de gama da Huawei.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.