Radar de velocidade média testado em Portugal: onde vão ser colocados

Bruno Coelho
Comentar

Para já é apenas um teste, mas o novo modelo de radar de velocidade média já se encontra a ser testado na Ponte Vasco da Gama, em Lisboa. A confirmação foi dada pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) ao Observador.

Recorde-se que a chegada destes novos radares a Portugal foi aprovada em Conselho de Ministros em julho do ano passado. O objetivo é introduzir em Portugal “o controlo de velocidade média entre dois pontos, e a capacidade para medir, em simultâneo, a velocidade de vários veículos”. Tal será possível “mesmo nos casos em que estes circulam lado a lado ou a uma distância inadequada entre si”, segundo escreve a ANSR.

Ponte Vasco da Gama pode ser um dos locais definitivos com radar de velocidade média

O objetivo primordial é expandir a densidade do Sistema Nacional de Controlo de Velocidade (SINCRO). Para isso 50 novos locais de controlo de velocidade: 30 deles fiscalizam a velocidade instantânea, e 20 a velocidade média.

Embora para já a lista seja provisória, é bem provável que a Ponte Vasco da Gama venha a ser um dos locais de definitivos. Mas além deste locais, foram anunciados sete locais em meados do ano passado.

  • EN5 em Palmela
  • EN10 em Vila Franca de Xira
  • EN101 em Vila Verde
  • EN106 em Penafiel
  • EN109 em Bom Sucesso
  • IC19 em Sintra
  • IC8 na Sertã

Estes radares não terão localização fixa, e irão rodar entre 20 localizações possíveis. O condutor não saberá assim se o radar em questão está ou não instalado no local. De qualquer das formas, será avisado pelo sinal trânsito H42 (ver imagem abaixo).

Sinal de trânsito H42
Sinal de trânsito H42

Estes radares registarão a hora de entrada e saída de um condutor em determinado troço de estrada. Será considerado que o condutor circulou em excesso de velocidade, caso o condutor faça a distância entre os dois pontos em menos tempo do que o mínimo estipulado para esse percurso. A multa chega ao condutor a casa via carta.

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.