Qualcomm Snapdragon 670 traz a Inteligência Artificial aos gama média

Carlos Oliveira
Qualcomm Snapdragon 670
Promete um desempenho e capacidades melhoradas para o segmento de gama média

O reinado de um dos mais interessantes processadores de gama média da Qualcomm chegou ao fim. Depois de ter sido desvendado em maio do ano passado, eis que o Snapdragon 660 recebe o seu sucessor. Hoje ficamos a conhecer o Qualcomm Snapdragon 670.

A gama 600 da Qualcomm tem sido uma das mais interessantes para os consumidores de tecnologia móvel. Graças a estes SoC´s temos tido acesso a smartphones com potencialidades técnicas bastante interessantes por preços bem apetecíveis.

Vê ainda: Google Pixel 3 XL terá mesmo este design? Sou o único desapontado?

Mas como de costume é altura de olhar para um futuro ainda melhor. É por isso mesmo que a empresa norte-americana nos apresenta hoje o seu novo processador Qualcomm Snapdragon 670.

Este é o sucessor do SND 660 mas as suas características técnicas equiparam-no mais ao novo SND 710. Temos, sobretudo, a chegada das potencialidades da Inteligência Artificial aos equipamentos de gama média.

Qualcomm Snapdragon 670 é o novo rei dos gama média

Será graças ao Qualcomm Artificial Intelligence Engine que os próximos gama média terão essa possibilidade. Isto garante-lhes funções como tecnologias de reconhecimento facial e efeito bokeh em câmaras mesmo com uma só lente.

Em termos de poder de processamento, o Qualcomm Snapdragon 670 é composto por oito núcleos Kryo 360. Seis deles terão uma frequência de 1.7GHz e os restantes de 2.0GHz para as tarefas mais exigentes. Segundo a empresa, proporcionará o dobro do poder do seu antecessor.

Já para o processamento gráfico temos a GPU Adreno 615. Segundo a Qualcomm, esta GPU poderá oferecer uma experiência "gaming ao nível de consola". Esta gráfica permitirá ainda a reprodução de vídeo em 4K e gravação de vídeo a 30fps.

Atendendo ao departamento fotográfico, este novo processador incorpora o processador de imagem Spectra 250. Assim está garantido o suporte a uma única lente de até 25MP ou duas lentes de até 16MP. Embora seja o mesmo sensor do 660, a empresa garante uma melhor estabilização digital da imagem.

Resta falar no impacto que este processador terá na bateria do teu smartphone. De acordo com a Qualcomm, este processador garante 30% mais de autonomia aos equipamentos com ele equipados. De notar ainda a presença da tecnologia QuickCharge4+, que levará a tua bateria dos 0% aos 50% em apenas 15 minutos.

Agora que está anunciado o Snapdragon 670, é tempo de começarmos a ver smartphones com ele equipados. Por enquanto ainda não sabemos quando tal acontecerá, mas será uma questão de tempo para tal.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Android. Xiaomi Pocophone F1 é mostrado em vídeo

NOS confirma o preço do Samsung Galaxy Note 9 para Portugal

Apple está a trabalhar numa fantástica tecnologia para o carro

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.