Qualcomm surpreende com o novo SoC Snapdragon 870

Rui Bacelar
1 comentário

Não é um topo de gama. Esse título pertence ao Snapdragon 888 em 2021. Mesmo assim, o novo Snapdragon 870 será um dos melhores processadores no mercado este ano, sendo uma versão ligeiramente mais poderosa do Snapdragon 865.

Surpreendendo o mercado, a norte-americana Qualcomm apresenta hoje (19) um novo processador para dispositivos móveis de gama média alta. Pode ser tido como um Snapdragon 865 duplamente reforçado, não sendo rival para o Snapdragon 888.

A Qualcomm revelou o novo Snapdragon 870

Qualcomm Snapdragon 870

A norte-americana Qualcomm deu a conhecer o seu mais recente processador para dispositivos móveis. Chama-se Snapdragon 870 e surge como sucessor para os chips Snapdragon 865 e Snapdragon 865 Plus, ambos os chips lançados em 2020.

O novo SoC é virtualmente igual aos dois antecessores na arquitetura de núcleos com o CPU Kryo 585, bem como os núcleos da gráfica ou GPU, a Adreno 650. É, portanto, um processador da antiga geração que usa o modelo vigente do ano passado.

O novo chip - Snapdragon 870 - tem uma frequência máxima de 3,2 GHz no núcleo de alto desempenho. É 10% mais poderoso que o SD 865 original cuja frequência máxima atinge os 2,84 GHz. Já o SD 865 Plus tem uma frequência máxima de 3,1 GHz, portanto, o novo SoC é cerca de 3% mais potente que o seu antecessor direto. Melhorias marginais no poder de processamento.

O Snapdragon 870 é composto por oito núcleos de processamento. Tem um núcleo de alto desempenho com frequência máxima a 3,2 Ghz, três núcleos com frequência máxima a 2,42 GHz e, por fim, quatro núcleos Cortex A55 a 1,80 GHz.

O porquê do Snapdragon 870 segundo a Qualcomm

Qualcomm Snapdragon 870

A gigante norte-americana justifica o lançamento do novo processador com as forças de mercado. De acordo com a mesma, o novo SoC surge para dar resposta à grande procura por parte das fabricantes que querem reforçar este segmento de mercado.

O Snapdragon 870 é concebido para as empresas que queiram colocar um excelente smartphone no mercado, mas não necessariamente o melhor em todos os aspetos. Dispositivos móveis de gama "quase alta", sem chegar aos premium.

Na prática, veremos o Snapdragon 870 em smartphones cujo preço de venda ao público deverá começar nos 600 até aos 800 euros, com grandes margens de acerto, sobretudo em excesso.

O novo processador "quase" topo de gama

Qualcomm Snapdragon 870

Para as fabricantes que queiram usar este SoC quase topo de gama também há melhorias reais de desempenho. Algo que naturalmente poderão usar como vantagem real para os utilizadores, algo que podem usar no departamento de marketing.

Por outras palavras, o Snapdragon 870 tem melhorias reais face aos processadores "antigos", de 2020 como as duas gerações do Snapdragon 865.

A Qualcomm espera que os primeiros smartphones equipados com o Snapdragon 870 cheguem ao mercado durante o primeiro trimestre de 2021. Entre as primeiras fabricantes a usar o novo SoC temos a Motorola, OnePlus, Oppo e Xiaomi.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.