Qualcomm anuncia o novo processador Snapdragon 778 5G a 6 nm

Rui Bacelar
Comentar

A norte-americana Qualcomm revelou hoje o novo processador Snapdragon 778G 5G. É uma versão mais económica do chipset Snapdragon 780G 5G, anunciado em março último, podendo também atenuar o problema da escassez de componentes.

Mais concretamente, o novo processador Snapdragon 778G 5G é construído de acordo com a litografia de 6 nm, ao passo que o Snapdragon 780G segue a litografia de 5 nm, mais avançada, mas também mais onerosa e de difícil produção.

O Snapdragon 778 5G é o noco SoC custo/benefício da Qualcomm

With cutting-edge mobile gaming plus accelerated #AI for absolutely dazzling photo and video capture, the brand new #Snapdragon 778G #5G Mobile Platform is the ultimate multimedia triple threat. Get the all details: https://t.co/cPAJdyoa1w pic.twitter.com/tDVk3YePDq

— Qualcomm (@Qualcomm) 19 de maio de 2021

Este novo SoC partilha diversos aspetos com o supracitado Snapdragon 780G, desde logo a utilização de dois núcleos Cortex A78 (Kryo 670 Gold) a 2,4GHz, além de seis núcleos Cortex A55, totalizando assim 8 núcleos de processamento (octa-core).

A Qualcomm destaca não só a melhoria no poder de processamento, aumento de potência, como também pela nova geração do motor dedicado à Inteligência Artificial (IA). Para cuidar deste predicado temos agora os processadores Hexagon 770 que atingem os 12TOPS.

Destacamos ainda a utilização da gráfica Adreno 642L GPU, bem como o processador de imagem Spectra 570L ISP. O processamento é pautado pelo CPU Kryo 670 que deverá ser ainda mais eficiente que o modelo SD 780G.

A experiência multimédia é reforçada com o suporte para ecrãs com resolução até Full-HD+ com taxa de atualização até 144 Hz. O SoC também integra funcionalidades da plataforma Snapdragon Elite Gaming, como a profundidade de cor de 10 bits e o espaço de cor Rec2020.

O Snapdragon 778G também suporta o padrão de carregamento rápido Quick Charge 5 para uma potência máxima de 100 W. De igual modo, também suporta os melhores leitores de impressões digitais ultrassónicos do tipo 3D Sonic e 3D Sonic Max.

Destaca-se pela experiência multimédia e conexão 5G

Qualcomm Snapdragon 778G

O aumento de potência no Snapdragon 778G é de 40% comparativamente com o processador Snapdragon 768G presente em diversos smartphones de gama média/alta apresentados em 2020.

Aponta-se também como positiva a presença do modem Snapdragon X53 5G, capaz de suportar a conexão 5G em mmWave e na frequência sub-6 Ghz. Temos ainda o suporte para o padrão Wi-Fi 6E, bem como o Bluetooth 5.2 e o USB 3.1.

Extremamente positiva é a inclusão de um processador de imagem triplo. Isto é, um ISP que oferece até dois giga pixeis de processamento por segundo.

É este ISP triplo que o torna capaz de gravar vídeo em resolução 4K HDR (HDR10+), além de poder gravar ´video a partir de três câmaras em simultâneo. Similarmente, também pode captar imagens de até três câmaras ao mesmo tempo.

Honor, Xiaomi, Realme, Motorola e OPPO entre as primeiras a usar o Snapdragon 778G

A new collaboration and friend will be announced at the #5G Summit. Stay tuned for more. 👫 @Honorglobal #HONOR

— Qualcomm (@Qualcomm) 19 de maio de 2021

A Qualcomm fez saber que os primeiros dispositivos móveis a utilizar o Snapdragon 778G chegam durante o segundo trimestre de 2021 ao mercado. Portanto, até ao final de junho teremos os primeiros smartphones com este novo SoC Qualcomm à venda.

Entre as fabricantes listadas pela Qualcomm temos a Xiaomi, a Honor, Iqoo, Motorola, OPPO e, por fim, a sua sub-marca Realme, todas já com novos produtos criados em torno deste SoC.

Por fim, a empresa fez saber que o primeiríssimo smartphone a empregar este chipset fará parte da gama Honor 50.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.