Primeiro olhar ao smartphone Android com sensor biométrico no ecrã

Filipe Alves
Novo Android da Vivo com sensor biométrico no ecrã | Imagem @TheVerge
Novo Android da Vivo com sensor biométrico no ecrã | Imagem @TheVerge

Foi na MWC Shangai no ano passado que a Vivo nos mostrou o seu primeiro protótipo de um smartphone Android com o sensor biométrico no ecrã. O dispositivo na altura testado pelos presentes foi indicado que era uma ideia interessante mas longe de ser utilizável.

Hoje temos um vídeo que nos mostra como é o dispositivo, como é o desbloqueio e, acima de tudo, quão rápido é todo o processo. A Vivo revelou o seu smartphone com o Sistema Operativo Android e sensor biométrico no ecrã. Vlad, editor do website The Verge, decidiu mostrar em detalhe como é o tal desbloqueio.

Vê ainda: Samsung. Dispositivo dobrável de 7.3 polegadas pode chegar em 2018

Infelizmente não temos a ideia perfeita de como é desbloquear o terminal na vida real mas o vídeo mostra-nos que a lentidão não é assim tão má. Aliás, atrevo-me a dizer que é tão rápido quanto um terminal de gama-média no mercado com o típico sensor biométrico no botão.

De referir ainda que este tipo de tecnologia só funciona em ecrãs OLED ou AMOLED. Como a tecnologia LCD obriga a um painel traseiro iluminado não é possível detalhar as impressões do dedo.

Visto que estamos a olhar para um terminal que terá obrigatoriamente de ter um ecrã OLED ou AMOLED, podemos concluir que para já este tipo de tecnologia não deverá chegar aos terminais de gama-média. Pelo menos até o valor do OLED continuar elevado.

Não sabemos preços ou disponibilidade deste Vivo. A marca quis apenas mostrar na CES (Consumer Electronics Show) que a tecnologia está ali e pronta para fabricar em grandes massas.

Esperemos que 2018 nos traga dispositivos com esta capacidade. Na pior das hipóteses é quase garantido que 2019 será o ano de sensores biométricos nos ecrãs e smartphones com OLED.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Youtube – Benfica vs Sporting leva transmissão pirata às tendências

Huawei Mate 10 Pro com caminho difícil na entrada nos Estados Unidos

Microsoft afirma que a Cortana seguirá os passos da Amazon Alexa

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.