Presidente da Honor confirma oficialmente a sua Smart TV

Filipe Alves
Comentar

Não é segredo que a Huawei e a Honor estão a trabalhar numa Smart TV. Pelo menos é o que temos falado nos últimos tempos. Ainda que sem datas concretas à vista sobre o lançamento destes painéis inteligentes, hoje temos a confirmação que tanto esperávamos.

O Presidente da Honor, George Zhao, assumiu que a marca está a trabalhar numa Smart TV. Ainda que não lhe tenha dado este nome, o objetivo é o mesmo.

Smart TV

Honor quer fazer da sua Smart TV única

Neste momento as Smart TV são super media center. Porém, o objetivo da Honor (e da Huawei) passará em oferecer um gadget capaz de ser mais do que uma televisão e um centro de média.

Para ser mais concreto, o Presidente da Honor referiu que o nome do produto será "Smart Screen TV" e que o objetivo é dar informações extra ao utilizador para além de oferecer as típicas possibilidades de reprodução de TV.

A Honor acredita que a sua televisão revolucionará o mercado e que um novo conceito de Smart TV está prestes a ser lançado. Sinceramente não sabemos ao certo o que isso significa até porque não temos no mercado algo idêntico ao que a Honor e Huawei prometem.

Smart TV é um mercado que ficará mais competitivo

As televisões sempre foram caras. Com a chegada de marcas como a Hisense os preços ficaram consideravelmente mais competitivos, contudo, continuamos a ter falta de concorrência no setor.

Esta concorrência deverá chegar a Portugal com a Huawei, Honor, OnePlus e Xiaomi. A Xiaomi já produz as suas televisões e é uma das maiores fabricantes na China e Índia e chegará em breve a Portugal nas suas lojas oficiais.

Já a OnePlus, Huawei e Honor ainda tem de mostrar que o trabalho que têm vindo a fazer não foi em vão. As marcas acreditam todas que conseguirão revolucionar o mercado, mas será que tal acontecerá? Esperemos que 2019 seja o ano em que tiraremos essas questões.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.