note-7-4gnews-4

Mesmo depois de estar morto e enterrado o Galaxy Note 7 continua a dar que falar. O flagship da Samsung tinha tudo para ser um sucesso, no entanto, os seus problemas técnicos levaram a que a marca sul-coreana o retirasse do mercado.

Vê ainda: O smartphone mais pequeno do mundo terá agora adaptadores para o pulso

   

A marca decidiu emitir um recall quando os equipamentos começaram a entrar em combustão e nessa altura culparam as baterias que vinham equipados num certo lote de smartphones. Contudo, depois do terminal ter voltado ao mercado já com outras baterias os problemas continuaram. Esta foi a gota de água e o que levou a marca matar o mal pela raiz e retirou o tão promissor phablet do mercado.

Restos do Samsung Galaxy Note 7 e do computador danificado
Restos do Samsung Galaxy Note 7 e do computador danificado

Mas as investigações para tentar descobrir o que estaria a causar estes problemas continuam e até agora nada está confirmado pela marca sobre a razão deste problema, porém, isto poderá estar prestes a mudar.

De acordo com informações recentes, a Samsung poderá vir a revelar qual a falha que o terminal sofria até ao final deste ano. Com o Samsung Galaxy S8 à porta, os consumidores Samsung querem ter a certeza que o mesmo não acontecerá. Embora esta não seja uma informação oficial, parece-me mais do que plausível que tal explicação aconteça em breve.

Talvez queiras ver:

Meizu Pro 6 Plus anunciado com o mesmo processador do Galaxy S7

Futuro iPhone 8 de 4.7 polegadas poderá contar também com ecrã OLED

LG prepara quatro novos smartwatches com sistema de pagamentos móvel