Os 5 piores smartphones Android de sempre, segundo o Reddit

Rui Bacelar
2 comentários

O mercado global de smartphones conta com excelentes dispositivos Android, primando pela diversidade de modelos e respetivos preços. No entanto, alguns lançamentos deixaram os utilizadores tão frustrados que ainda hoje detestam estes smartphones.

Em particular junto da comunidade Reddit, com mais de 330 milhões de utilizadores, estes foram os modelos de smartphones Android que mais os desiludiram. São, para este grupo, os piores smartphones Android alguma vez lançados num passado recente.

1. LG G3 - anunciado em maio de 2014

smartphone LG G3

O smartphone LG G3 foi anunciado pela fabricante sul-coreana em maio de 2014 e, inicialmente, tinha tudo para fazer frente à Samsung. Com um inovador sistema de focagem por laser para as câmaras, bem como um belo ecrã e o Android KitKat.

Infelizmente, este foi o smartphone que mais irritou a comunidade de utilizadores no Reddit. Entre os principais problemas apontam o forte sobreaquecimento que tornava o LG G3 num telefone inútil enquanto não reiniciasse e arrefecesse.

A duração de bateria (3 000 mAh), que depressa se esgotava para alimentar o ecrã de 5,5 polegadas (IPS LCD) com resolução Quad-HD+ comprometia seriamente o seu uso. Pior ainda, a má otimização do Android agravava as demais sintomáticas.

2. HTC Thunderbolt: anunciado em janeiro de 2011

HTC Thunderbolt

Em segundo lugar a comunidade Reddit aponta o HTC Thunderbolt, smartphone lançado em exclusivo pela operadora norte-americana Verizon. É também um dos mais antigos desta lista, sendo anunciado com o Android 2.2 Froyo e a Sense UI 2.

As principais falhas do smartphones estavam concentradas na duração mísera de bateria, o que comprometia a sua utilidade, bem como o sobreaquecimento do smartphone. O processador utilizado era o Snapdragon S2 (1 Ghz) da Qualcomm.

3. Huawei Nexus 6P - anunciado em setembro de 2015

Huawei Nexus 6P

O Nexus 6P foi desenvolvido pela Huawei em parceria com a Google e, embora a sua construção e design fossem elogiados na altura, os problemas de otimização de software condenaram o smartphone, de acordo com a comunidade do Reddit.

Apontando também a pobre duração da bateria, com 3 450 mAh de capacidade, os reboots ou reinicialização espontânea sem razão aparente e várias instabilidades de software acabaram por prejudicar gravemente a opinião sobre o smartphone Huawei.

4. Samsung Galaxy S6 - anunciado em abril de 2015

Samsung Galaxy S6

A Samsung também figura nesta indesejável lista com um dos seus mais elegantes smartphones, o Galaxy S6. Entre as principais críticas os utilizadores do Reddit apontam a péssima gestão de memória RAM, bem como a mísera autonomia de bateria.

A isto acrescentam a deterioração rápida do desempenho ao final de um ano, com o smartphone topo de gama a ficar lento sem razão aparente para tal. Apontam também o sério sobreaquecimento do dispositivo, sobretudo enquanto carregava.

5. LG Nexus 5X - anunciado em setembro de 2015

LG Nexus 5x

O segundo modelo da gama Nexus a figurar nesta lista é o Nexus 5X desenvolvido pela LG em parceria com a Google. A autonomia de bateria volta a ser o fator de desagrado primordial, mas está longe de ser o único. A principal queixa prende-se com o processador escolhido para este smartphone Android, o Snapdragon 808. Um modelo que se viria a revelar bastante problemático.

Além disso, a má gestão de memória RAM, em parte culpa do sistema operativo Android, em parte do SoC escolhido, condicionariam o desempenho do dispositivo a médio-longo prazo. Há ainda algumas queixas quanto à sua construção em plástico.

A lista aponta ainda nomes como o LG G6, um potencialmente ótimo smartphone, mas desperdiçado pelo software da marca. Há ainda outros nomes como o HTC One V, Asus ZenFone 2, Sony Xperia M4 Aqua, OnePlus X e o Motorola Moto G6.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.