OnePlus está longe de apostar em smartphones dobráveis. CEO explica porquê

Bruno Coelho
1 comentário

Durante a Consumer Electronics Show 2020, a OnePlus deu a conhecer o Concept One. Um smartphone que a fabricante acredita ser o futuro, e que tem como linha distintivo o facto de ter as câmaras traseiras escondidas.

Pete Lau tirou uns minutos, e foi entrevistado pelo The Vergecast, o podcast do The Verge. Um dos temas fortes foram os smartphones dobráveis, que o CEO da OnePlus acredita ainda não serem suficientemente bons.

OnePlus Concept One
Este é o OnePlus Concept One

Nos dobráveis, desvantagens são maiores que as vantagens, para Pete Lau

“Os dobráveis são um exemplo de algo que analisamos, mas não concretizamos”, começa por dizer. “Não achamos que a vantagem ou o valor significativo que é trazido, são compensados pelas desvantagens ou deficiências do estado atual da tecnologia”, revelou.

Para Pete Lau, esta tecnologia só estará boa o suficiente quando forem resolvidos os problemas com o ecrã na zona da dobradiça. Assim que a dobragem não tiver possíveis implicações no ecrã, será a altura certa para avançar.

Pelo menos para já, a OnePlus não parece interessada em entrar na corrida pelos smartphones dobráveis. No entanto, o Motorola RAZR é eleito como o melhor dobrável atualmente, embora ainda não tenha o ecrã como Pete Lau pretende para um dispositivo da sua marca.

Motorola RAZR
Motorola RAZR é o 'menos mau' eleito por Pete Lau

Neste momento os smartphones dobráveis ainda apostam em ecrãs que, apesar de serem OLED, são de plástico. Para o CEO da OnePlus esse é um compromisso que não quer fazer, e essa é a principal razão pela qual a marca não vai apostar, para já, num terminal deste género.

Editores 4gnews recomendam:

1 comentário
Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Ultimate Team é o seu atual saco de boxe, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.