OnePlus compromete a privacidade de utilizadores com erro crasso!

Vitor Urbano
Comentar

Seja por boas ou más razões, a OnePlus continua a estar no centro das atenções. Depois de ter realizado a primeira apresentação de um smartphone totalmente em AR (Realidade Aumentada), voltam agora a estar em destaque, mas por terem deixado ficar mal os seus utilizadores.

Desta vez, o erro que comprometeu a privacidade dos utilizadores foi tão ridículo que custa até a acreditar que foi cometido por um profissional. Com o objetivo de realizar um estudo sobre as alterações feitas na interface da OxygenOS, foi enviado um email para centenas de utilizadores com um inquérito.

OnePlus

No entanto, o responsável por esse email conseguiu cometer o erro crasso de colocar os emails dos utilizadores na caixa "Para", em vez do tradicional "BCC". Com esta "pequena distração", os emails pessoais de sensivelmente 300 utilizadores acabaram por ficar expostos e acessíveis a todos nesta lista.

OnePlus está a criar histórico preocupante na garantia de privacidade dos seus utilizadores

Ainda que este incidente com a exposição de emails possa parecer pouco alarmante considerando o reduzido número de utilizadores afetados, volta a demonstrar a falta de profissionalismo com que a fabricante está a lidar com informações privadas dos seus utilizadores.

Relembro que ainda este mês, foi finalmente resolvida uma vulnerabilidade no sistema de faturação em casos de reparação fora da garantia. Esta falha de segurança deixava inúmeros detalhes privados dos utilizadores acessíveis a qualquer pessoa:

  • Nome completo
  • Número de telefone
  • Email
  • IMEI do smartphone
  • Morada

Esperemos que estes sejam apenas casos isolados e que a fabricante comece a prestar uma maior atenção à forma como gere as informações sensíveis dos seus milhões de utilizadores.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.