OnePlus, Sony, ASUS, Android smartphone Android Nokia 2 Android One smartphone smartphones
A fabricante finlandesa portou-se bem, muito bem em 2017!

Em 2017 assistimos ao regresso da Nokia ao mercado mobile. Agora sob a batuta da empresa finlandesa, a HMD Global fundada em 2016 por parte do antigo staff da Nokia original. Entretanto, esta mesma HDM viria a adquirir os direitos de comercialização e distribuição dos smartphones e telemóveis da Nokia. Mas…como se pode comparar esta mítica marca finlandesa à OnePlus, ASUS e até mesmo à Sony?

Pelos vistos…pode-se comparar e bem! Tendo obtido uma calorosa recepção por parte do público, a fabricante fechou o ano com 1% de quota de mercado mobile. O valor per se parece insignificante ou mesmo irrisório, pelo menos até ao momento em que o comparamos com os valores de uma OnePlus, ASUS ou…Sony.

Vê ainda: Xiaomi, Android One, MIUI e Twitter, um erro que veio por bem?

Com vários dos ex-funcionários da “antiga Nokia” no seu staff, a nova “Nokia” apresentou um total de 6 smartphones Android. Desse valor, 5 equipamentos chegariam a todos os principais mercados mundiais. A pouco e pouco, a HMD Global conseguiu o que muitos julgavam impossível. Salvar um dos maiores nomes da indústria mobile, transformando-o numa autêntica fénix.

Aliás, a “nova Nokia” já é conhecida pelo seu impecável histórico de atualizações de software. Temos aqui uma das melhores marcas no que às atualizações periódicas do sistema operativo diz respeito. Algo que devia ser seguido por nomes bem maiores como a Samsung. Já por outro lado, também a OnePlus, Sony e até mesmo a ASUS se têm esmerado nesse aspecto.

Nokia supera a OnePlus, ASUS e Sony

Todavia, por muito virtuosos que sejam os seus equipamentos, ao final do mês aquilo que importa são os números, as vendas. Sem isso nenhuma empresa subsiste. Agora, tal como aqui havíamos dado a conhecer, podemos comparar os números da Nokia com os valores obtidos pela OnePlus, Sony, ASUS e outros nomes bem conhecidos da indústria. Aqui fazemos uma comparação transversal aos dados das agências IDC e Counterpoint Research. Auxiliamo-nos nos dados fornecidos em exclusivo à publicação NokiaMob que obteve acesso às cifras detalhadas.

Dados da IDC – Sony, ASUS, OnePlus e Nokia na categoria “Outros”

 smartphones ASUS OnePlus Nokia Sony 1
Relembrando os dados fornecidos pela CounterPoint Research

Aqui, tanto a Nokia como a OnePlus, ASUS e Sony estão na secção “outros”. Foi aqui que a imprensa internacional recebeu os dados desses mesmos “outros”. Segundo esses novos dados, no 1º trimestre de 2017 a HMD venderia um total de 100 mil unidades do Nokia 6, na altura o único smartphone da marca. Em seguida, no 2º trimestre de 2017 a HMD venderia um total de 1.4 milhões de dispositivos. Nessa altura já tinha também o Nokia 3 e 5 disponíveis – dados da IDC.

Em seguida, no 3º trimestre de 2017 a HMD venderia um total de 2.8 milhões de dispositivos móveis – dados da CounterPoint Research. Já no último trimestre do ano, a HMD venderia um total de 4,15 milhões de dispositivos móveis. Mais uma vez, dados da CounterPoint Research, cedidos aqui à publicação NokiaMob. O crescimento da marca foi bastante linear e consistente.

Dados da CounterPoint Research referentes ao ano de 2017

OnePlus ASUS OnePlus Sony Nokia mercado mundial smartphones Android
Crescimento bem notório durante todo o ano de 2017

Tudo isto resultou na Nokia a obter um total de 1% de quota de mercado. É um valor que por si só pode parecer irrisório, sobretudo quando o comparamos com uma Xiaomi ou Huawei. Todavia, é um valor superior ao da Sony, OnePlus ou mesmo da ASUS com os seus ZenFone’s.

Vendas de smartphones da Nokia em 2017 (por trimestre)

  • 1º trimestre – 0.1 milhões
  • 2º trimestre – 1.4milhões
  • 3º milhões – 2.8 milhões
  • 4º milhões – 4.4 milhões
  • Ano – 8.7 milhões

Para um primeiro ano no mercado mobile são resultados muito respeitáveis. Temos aqui uma marca que está a tentar implementar-se junto de nomes estabelecidos. Os resultados, superando até a Sony, ASUS ou a mediática OnePlus mostra-nos que a HMD está a fazer um bom trabalho.

Para tal, numa primeira fase a HDM apostou em vendas flash, em lotes exclusivos para o mercado chinês onde venderiam uma boa parte dos seus equipamentos. Olhando também para o desempenho de marcas como a Apple no seu 1º ano de mercado podemos ver que efetivamente a Nokia não se portou nada, nada mal!

No primeiro ano de mercado:

  • Nokia Lumia – 9.8 milhões de unidades
  • HMD Nokia (Android) – 8.7 milhões de unidades
  • Apple – 5.41 milhões de unidades

O que esperar dos smartphones Nokia para 2018?

Depois de um ano extremamente cativante para todos os fãs da Nokia, e para qualquer entusiasta de tecnologia temos agora os olhos postos no futuro. A HMD Global apresentará novos smartphones Android no Mobile World Congress, tal como as rivais ASUS, Samsung e Sony. Por falar nisso, durante todo o ano de 2017 a Nokia terá vendido mais dispositivos do que uma:

  • Sony
  • Asus
  • OnePlus
  • Google
  • Alcatel
  • Lenovo
  • Meizu

Esperamos agora novos smartphones inovadores que primem pelo design, câmara e qualidade de construção. Terão que enfrentar uma OnePlus cada vez mais motivada e até uma Sony que parece estar a despertar da melancolia e finalmente disposta a mudar de design.  Até uma ASUS que poderá lançar novos smartphones Android para Gaming, ao abrigo da sua ROG.

A Mobile World Congress 2018 terá início no próximo dia 26 de fevereiro. Aí conheceremos os novos smartphones de todas estas fabricantes.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Huawei regista o nome “Huawei Mate X”. Nova variante a caminho?

Xiaomi Redmi Note 4 recebe o Project Treble do Android Oreo

Android P estará mais preparado para os designs inspirados no iPhone X

Fonte | Via

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).