OnePlus abdica da Oxygen OS na China, usará a Color OS da OPPO

Rui Bacelar
Comentar

Aplicando-se ao seu mercado natal, a China, a medida reflete os "diferentes hábitos de uso no país" de acordo com a OnePlus. Os seus smartphones Android passarão a usar a interface própria da OPPO, a Color OS em detrimento da sua própria Oxygen OS.

Tal medida é restrita à China. Dito isto, o consumidor europeu não tem que se preocupar com este alteração que denota a aproximação entre a jovem marca e a gigante asiática, OPPO, é a maior fabricante no seu mercado de acordo com a Counterpoint.

Os smartphone OnePlus terão uma skin diferente na China

Daqui em diante, a Oxygen OS não será o único software presente nos telefones da marca liderada por Pete Lau. A fabricante confirmou esta decisão estratégica através do seu fórum oficial, após a hipótese ser sugerida por utilizadores nas redes sociais.

Por outro lado, a opção pela Color OS da OPPO dará aos utilizadores na China uma plataforma mais "adequada aos seus gostos". É um reflexo dos diferentes padrões de uso e hábitos de utilização de diferentes perfis de utilizador.

De acordo com a OnePlus, a medida visa dar mais opções aos seus utilizadores, indo ao encontro de gostos e padrões de uso distintos. Na prática, isto traduz-se na adoção de uma interface distinta para um só país, a China.

Os demais utilizadores continuarão a ter direito à Oxygen OS nos seus telefones OnePlus.

Não é a primeira vez que a OnePlus usa uma interface diferente da Oxygen OS

Recordamos, por exemplo, a adoção prévia da Cyanogen OS na maioria dos mercados mundiais, ao passo que na China os primeiros smartphones da marca usaram a Color OS. Recordamos ainda que a OnePlus e a OPPO partilham vários laços, sendo ambas parte da multi-nacional BBK Eletronics, algo que as torna empresas "irmãs".

Mais ainda, a própria Oxygen OS já tinha uma tónica distinta na China, país onde a fabricante disponibilizava a Hydrogen OS, coexistindo com a Oxygen OS para os mercados internacionais. Agora, a Hydrogen OS dará lugar à interface da OPPO.

A implementação acaba por não surgir como uma surpresa. A OPPO é atualmente a maior fabricante na China, expandindo a sua influência mediante a queda da Huawei. Daqui em diante, a OPPO ocupará um lugar cimeiro no mercado global de smartphones.

Para os consumidores chinesas, a adoção de uma mesma interface nos telefones OPPO e OnePlus também facilitará a sua adoção. Será, portanto, uma plataforma familiar que também reduzirá os custos para a menor das empresas, a OnePlus.

A Oxygen OS é extremamente elogiada pela sua simplicidade, foco no desempenho e aspeto limpo, causando esta decisão algum atrito junto dos fãs. Mais ainda, sobretudo numa altura em que a OnePlus tem vindo a perder identidade.

A OnePlus apresentou hoje (23) a nova gama de smartphones OnePlus 9.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.