OnePlus logoDiscloser: Por lapso, noticiamos anteriormente que o equipamento em questão foi um OnePlus 3 quando, na verdade, foi um OnePlus One, sendo que o proprietário do terminal recebeu o modelo mais recente da marca como forma de compensação. Daí, o engano ao escrever este artigo. Portanto, o título, a imagem principal bem como o restante texto encontram-se agora corretos.

Ainda há poucos dias atrás relatamos a triste história de um Galaxy Note 7 que não aguentou um carregamento de bateria e hoje noticiamos mais uma infeliz ocorrência. Desta vez tratou-se de um OnePlus 3 OnePlus One que conheceu o mesmo fim. Quente, fumegante e destrutivo. De acordo com o relato do senhor Deepak Gosain, de nacionalidade indiana, após ter deixado o seu novo OnePlus 3 OnePlus One a carregar durante a noite ao seu lado, enquanto dormia tranquilamente, de repente foi acordado por uma luz brilhante e não, não foi um rapto por aliensera apenas o seu smartphone envolto em chamas.

Vê também: Samsung Galaxy Note 7: A infeliz história do phablet que explodiu ao carregar

   

OnePlus 3 smartphone estaria a carregar à cerca de duas horas até que inesperadamente irrompeu em chamas e, ao passo que várias explosões semelhantes, incluindo a mais recente do Note 7 costumam e podem ser atribuídas a carregadores defeituosos ou imitações baratas, desta vez o único carregador utilizado foi o que vinha na caixa do smartphone. Algo que nos deixa preocupados pois não é de excluir mais ocorrências similares.

O pouco que restou deste OP3
O pouco que restou deste OP1

O seu dono, Deepak Gosain, dirigiu-se a um centro de reparação e diz que, desde então, já recebeu um OnePlus 3 novo em caixa, não desistindo também de procurar uma compensação monetária pelo sucedido.Posto isto, a OnePlus através dos seus meios oficiais já veio a público afirmando que a segurança e bem estar dos seus clientes é a sua grande propriedade, estando também perfeitamente confiantes na qualidade dos seus produtos, todos eles submetidos a um rigoroso controlo de qualidade.

Desde então a OnePlus já entrou em contacto com o senhor Deepak Gosain e estão a trabalhar num acordo compensatório. Em suma e face ao exposto, tudo leva a crer que esta situação foi provocada por algum defeito ou instabilidade na bateria que a levou a explodir. Uma infeliz e insólita situação mas felizmente sem danos pessoais.

Talvez queiras ver:

Viadigit.in
Fontetwitter
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).