É oficial! Apple confirma a compra da aplicação Shazam

Rui Bacelar
Apple Shazam negócio milionário
Confirma-se! A gigante de Cupertino quer mesmo comprar a Shazam!

Depois de aqui termos avançado em primeira mão que a Apple estaria a ponderar a aquisição da aplicação Shazam, agora foi a própria Apple a confirmar esta intenção de compra. Tal como avança também a TechCrunch, a gigante de Cupertino confirmou agora, de forma oficial, a sua intenção. Vejamos agora os detalhes e repercussões para a industria musical.

Vê ainda: Passado e Futuro: 2017 foi o ano do quase para a Apple…que venha 2018

Sem mais delongas, vejamos o comunicado oficial da Apple, referente à compra da Shazam:

"Estamos bastante entusiasmados por anunciar que a talentosa equipa da Shazam se juntará à Apple. Desde o lançamento da App Store, o Shazam tem sido consistentemente classificado como uma das aplicações mais populares para iOS.

Hoje, é utilizado por centenas de milhões de pessoas em todo o mundo. Em várias plataformas. A Apple Music e o Shazam são um par natural. Compartilhando uma paixão pela descoberta de música e oferecendo excelentes experiências musicais aos nossos utilizadores. Temos planos incríveis na loja. Por isso mesmo, estamos ansiosos para combinar os nossos esforços com a Shazam após a aprovação do acordo de compra celebrado hoje."

O comunicado oficial da Apple revela-se bastante entusiasta

A Apple não revelou o custo desta compra oficial da Shazam apesar de várias fontes terem confirmado à TechCrunch afirmando que este negócio rondaria os 400 milhões de dólares. Um negócio milionário para finalizar a compra desta aplicação.

Mais ainda, interessados na compra desta aplicação estariam também o Snapchat e até mesmo o Spotify. Todos eles cativados pelos talentos da Shazam. Aqui, por norma a Apple nunca revela os detalhes ou estratégias de operação e compra mas temos uma boa ideia de como poderá a Shazam ajudar a Apple. Sobretudo nos seus serviços de música. As possibilidades de cooperação são imensas!

Note-se que o principal foco de operação da Shazam tem sido, desde sempre, o reconhecimento de música. As pessoas, os utilizadores capturam um pequeno trecho da música e a aplicação começa logo a comparar este trecho com a sua enorme base de dados. Desta forma, a aplicação será capaz de te dizer exatamente o que estás a ouvir. Pelo menos na maior parte dos casos.

Inteligência Artificial da Shazam terá motivado a Apple a finalizar a compra desta aplicação

Neste momento a aplicação Shazam já tem mais de mil milhões de downloads através da App store, sendo bem popular. Outro dos motivos que terá motivado a finalizar esta compra, agora oficial.

Ao logo dos anos a Shazam foi aumentando o seu número de serviços. Atualmente já encaminha os utilizadores para vários sites onde podem descarregar a música que estão a ouvir. Já providencia também, e cada vez mais informação oficial sobre a música, seus autores e respectivo álbum, entre outros pormenores e informações.

Aliás, agora o aplicação até te dá sugestões de músicas populares com base nos trechos que vai reconhecendo. Em suma, com recurso aos mecanismos de inteligência artificial vai sabendo aquilo que tu gostas de ouvir e poderás gostar de comprar. A Inteligência Artificial, um dos pontos que terá motivado a Apple a tornar oficial esta compra.

oficial aplicação compra Apple Shazam negócio milionário
Negócio já prestes a ser anunciado

Depois de tudo isto, de todos estes anos no mercado, a Shazam estabeleceu várias parcerias interessantes. Todas elas migrarão agora para a esfera de influência da Apple. Todas elas foram ajudando esta aplicação a crescer. Até mesmo a Snapchat, que atualmente tem integração com a Shazam. Aliás, através do Snapchat podes reconhecer a música que está a tocar. Ora, tudo isto é possível graças à aplicação Shazam.

Em comunicado oficial sobre a compra pela Apple, a Shazam afirmou o seguinte:

Estamos bastante ansiosos por anunciar que a Shazam entrou em um acordo para se tornar parte da Apple. O Shazam é uma das aplicações mais bem classificados do mundo e amado por centenas de milhões de utilizadores. Não podemos imaginar um lar melhor para a aplicação que nos permita continuar a inovar e oferecendo magia para nossos utilizadores.

Curiosamente, a aplicação tinha obtido uma injecção de capital e uma valorização superior a mil milhões de dólares há cerca de 2 anos. Contudo, se a Apple comprou esta aplicação por "apenas" 400 milhões de dólares isto significa que a Shazam perdeu todo este valor nos últimos dois anos. Sinais algo preocupantes e que terão deixado esta aplicação algo vulnerável.

A Shazam já deveria ter apostado numa aplicação própria para streaming de música

Caso queiras, e para não perderes os próximos artigos, listas, dicas e análises, fiquem atentos às nossas redes sociais.

Desde a página de Facebook, Instagram e claro, no YouTube. Aqui terás também as nossas LiveCasts semanais todas as segundas-feiras às 21:30, hora de Lisboa. Estas transmissões em directo são posteriormente publicadas sob o formato de PodCast. Para que assim possas desfrutar deste conteúdo em alta-qualidade. Hoje será a última transmissão do ano. Não faltes!

Agora resta-nos esperar para ver quais são as repercussões na indústria musical. De que forma é que também o serviço Apple Music poderá melhorar, agora que esta compra é oficial!

E tu, costumas utilizar esta aplicação? Como vês esta compra da Apple que agora se torna oficial? Deixa-nos a tua opinião abaixo, nos comentários.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Android Oreo confirmado para o Honor 8 e Honor 8 Pro

OnePlus 5T – Quando é que chega o Android Oreo 8.0?

Samsung Galaxy A8 (2018) e Galaxy A8+ (2018) revelado pela Samsung

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).