O smartphone com a câmara frontal dentro do ecrã visto ao pormenor

Filipe Alves
Comentar

A ZTE prepara-se para surpreender o mundo ao nos dar o primeiro smartphone com a câmara frontal dentro do ecrã. O ZTE Axon 20 5G promete ser um dispositivo que ficará nos livros da história tecnológica como o primeiro a trazer tal funcionalidade.

Ainda assim, não teremos um telemóvel topo de gama. Os rumores referem que este será um telemóvel intermediário com a característica que o fará famoso mundialmente.

Este é o primeiro smartphone com a câmara frontal dentro do ecrã

smartphone com câmara dentro do ecrã

Não podemos dizer que este smartphone é muito diferente dos que temos agora no mercado. O telemóvel segue as linhas que estão nas tendências.

Ou seja, uma enorme quantidade de câmaras traseiras (4), apoiadas numa pequena corcunda no canto do smartphone. O telemóvel parece construído de vidro e as margens do ecrã são reduzidas.

Especificações esperadas do ZTE Axon 20 5G

  • Ecrã de 6.9" polegadas OLED
  • Processador Qualcomm Snapdragon 765G
  • 12 GB de RAM
  • 256 GB de armazenamento interno
  • Câmara traseira: sensor principal de 64 MP + 8 MP + 2 MP + 2 MP
  • Bateria de 4120 mAh
  • Android 10

O mais interessante estará dentro do seu ecrã. A câmara frontal está embutida por baixo do ecrã. Ou seja, não verás nenhuma notch ou buraco no ecrã para a tal câmara.

Este é um passo importante para a tecnologia móvel e uma funcionalidade que se espera que seja implementada por várias fabricantes. A Xiaomi, Huawei, BBK (dona da OPPO, OnePlus, Realme, IQOO e Vivo) também estão a trabalhar seriamente nesta tecnologia.

Resta-nos saber quando é que o smartphone chegará ao mercado e se teremos a sorte de ver o dispositivo à venda no nosso mercado de forma oficial.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.