The-Motorola-Moto-G-2015O Motorola Moto G 2015 ou Moto G 3ºgen será anunciado amanhã durante o evento da marca mas o pessoal da Laptopmedia.com(fonte) já tem uma unidade de teste e resolveu partilhar os resultados dos vários benchmarks.

Os resultados deste Moto G 2015 não são propriamente uma melhoria, pelo menos em todos os testes e sinceramente ficarás com algumas opiniões controversas sobre este novo equipamento. Adiante, vamos lá ver esses resultados!

As pontuações referentes ao CPU mostram que o Moto G 2015 terá uma boa melhoria na performance devido ao novo e mais potente Snapdragon 410, um SoC com quatro núcleos Cortex-A53 a 1.36 Ghz. Bem mais potente do que o Snapdragon 400 com quatro núcleos Cortex A-7 a 1.2GHz no Moto G 2ºgen. Neste ponto, o novo equipamento surpreende pela positiva.

   

No entanto, onde os resultados não surpreendem, pelo contrário até desiludem, é nas pontuações da gráfica (GPU). A Adreno 306 que trabalhará com o Snapdragon 410, tem uma velocidade de clock ligeiramente inferior à iteração passada, o resultado são pontuações ligeiramente inferiores  nestes testes da GPU. De qualquer forma, este  Moto G 2015 está a par dos restantes equipamentos de gama média que utilizam este SoC portanto, estas pontuações, acabam por ser uma “falha” perdoável.

Tenham em mente que isto são apenas resultados de benchmarks o que que não se traduz directamente numa melhor ou pior experiência de utilização e de qualquer forma, tendo em conta o preço base deste Moto G 2015, igual ao do ano passado, facilmente se perdoa um ou outro sacrifício porque no geral a nova geração trará especificações bem reforçadas.

Mais sobre o Motorola Moto G 2015: