Xiaomi Mi Notebook com novos processadores Intel já é oficial

Vitor Urbano
Xiaomi Mi Notebook 4gnews
A fabricante chinesa apresentou hoje o seu novo Xiaomi Mi Notebook

A Xiaomi é mundialmente conhecida pelos seus smartphones, que para além de oferecerem excelentes especificações, chegam também com preços bastante competitivos. Mas esse não é o único segmento em que a fabricante chinesa está em força.

Durante os últimos tempos a fabricante tem apostado cada vez mais na sua linha de computadores portáteis. Oferecendo aos seus fãs excelentes opções, tanto no segmento gaming, como no segmento de produtividade.

Vê ainda: Xiaomi Mi A2 tem inscrições abertas para versão beta do Android Pie

Hoje foi apresentado o novo Xiaomi Mi Notebook, que chega equipado com os mais recentes processadores Intel de 8ª geração e um ecrã de 15,6" polegadas. No entanto, o seu design poderia ser um pouco mais moderno.

O novo Xiaomi Mi Notebook chega com um design bastante conservador, apresentando uma moldura bastante espessa em torno do seu ecrã. Tal como em todos os seus outros computadores portáteis, este continua a apresentar linhas limpas sem grande branding da Xiaomi, tendo apenas o logótipo "Mi" por baixo do seu ecrã.

O novo Xiaomi Mi Notebook é o primeiro da fabricante a chegar com os novos processadores da Intel

O ecrã do novo Mi Notebook tem 15,6" polegadas e chega com uma resolução Full HD (1920 x 1080), apresentando um ângulo de visão de 178º. Quanto ao seu processador, vais poder escolher entre a variante equipada com o Intel Core i5 e o Intel Core i7.

O Xiaomi Mi Notebook chega também com a opção entre 4GB de RAM e 8GB de RAM. Mas os utilizadores poderão depois aumentar a memória RAM DDR4-2400 em até 32GB. Todas as variantes do novo portátil chegam com um disco duro SSD de 128GB, para garantir uma rápida velocidade de arranque. Por fim, para armazenamento, vais poder contar com um disco de 1TB.

Com o propósito de otimizar a sua performance no que respeita à produtividade, este portátil chega equipado com um sistema de arrefecimento com duas ventoinhas, 2 saídas de ar e 2 tubos de calor. Desta forma o Xiaomi Mi Notebook vai conseguir dissipar o calor de forma rápida e eficaz.

Preferes gaming? Portátil Xiaomi Mi Gaming por 1060€ aqui Xiaomi Mi Notebook 4gnews

Relembrando que este é um computador portátil concebido a pensar nos utilizadores que valorizam a produtividade. Não será certamente o investimento indicado para gamers. Assim sendo, todas as variantes chegam equipadas com a placa gráfica NVIDIA GeForce MX110 com 2GB de VRAM. Garantidamente não será o portátil mais indicado para jogar os mais populares títulos, como Fortnite, PUBG ou FIFA 19.

O novo Xiaomi Mi Notebook é mais um portátil que oferece excelente relação preço/qualidade

Uma vez mais com a produtividade em mente, a Xiaomi integrou neste portátil um teclado com secção numérica dedicada. No que respeita à sua conectividade, vais poder contar com um leitor de cartões de memória 3 em 1, uma porta USB 2.0, duas portas USB 3.0, uma entrada HDMI, uma entrada Gigabit Ethernet e entrada áudio jack 3,5mm.

Apesar de não ser um computador portátil destinado a jogos, no segmento de produtividade o novo Xiaomi Mi Notebook poderá rapidamente dar nas vistas. Especialmente considerando o seu preço extremamente acessível, aliado a especificações bastante sólidas.

Embora não se saiba ainda se irá ser comercializado de forma oficial fora do mercado chinês. Vai ficar disponível a partir do dia 28 de agosto com os seguintes preços:

  • Mi Notebook Intel Core i5 (4GB de RAM) — Aproximadamente 500€
  • Mi Notebook Intel Core i5 (8GB de RAM) — Aproximadamente 565€
  • Mi Notebook Intel Core i7 (8GB de RAM) — Aproximadamente 630€

Editores 4gnews recomendam:

Como instalar o launcher do Pocophone F1 no teu Xiaomi

Google Pixel 3 XL caí no mercado negro meses antes do lançamento

Depois dos EUA, tecnologias da Huawei e ZTE banidas da Austrália

Fonte | Via | Links afiliados

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.