A MediaTek surpreendeu-nos com uma nova linha de processadores denominada Helio mas mais especificamente com um processador, dessa mesma linha, deca-core, ou seja, processador composto por 10 núcleos, o X20 e prometeu, com este, dar ainda mais luta à Qualcomm, luta esta que é mais do que justa e também necessária no sentido em que, com a existência de concorrência pesada de ambos os lados, a Qualcomm e a MediaTek podem desenvolver ainda melhores produtos.

Agora a MediaTek decidiu “apimentar” um pouco mais a luta ao lançar um novo processador da linha Helio, desta vez um octa-core chamado P10, onde o P significa premium performance. O P10, que vem substituir o muito popular MT6752 que equipou alguns dos flagships #chinaaopoder, tem arquitetura de 64-bits e é composto por 8 Cortex-A53 onde um grupo de 4 núcleos dos 8 chegam a uma frequência de 2GHz enquanto o outro conjunto de 4 tem frequência mais baixa. Juntamente com P10 vem uma melhorada Mali-T860 GPU que fica encarregue dos gráficos.MediaTek P10

Sendo um processador de origem chinesa e considerando o fato de as redes moveis chinesas possuírem grandes velocidades são necessários processadores que aproveitem esta característica, assim o P10 traz Cat.6 LTE que é capaz de velocidades de download até 300Mbps melhorando os 150Mbps atingidos pelo antecessor. Há também uma possibilidade do controlador de memória mudar para um dual-channel. O P10 é também capaz de suportar uma câmara de 21 MP ou 2 câmaras de 16/18 MP mas a capacidade de gravar 4K está reservada apenas para a linha X.

   

Felizmente com mais performance está equiparada uma igual capacidade de poupança de bateria pois todos os números revelados sugerem uma eficiência melhorada de 20% comparando com o MT6725 enquanto o multitasking promete ser mais eficiente em 30% também comparando com o antecessor. A produção massa está prevista começar no final do ano, consequentemente iremos começar a ver dispositivos com este processador também nessa altura.

Talvez queiras ver: