Novo HTC One M9 Plus cai em leak com ecrã QHD, Snapdragon 810 e aparência Samsung

Filipe Alves

htc top

A HTC é uma das marcas quentes do ano, embora o seu histórico em Portugal não seja avassalador e no Brasil a marca já não comercializa, a empresa Chinesa tem uma importância alta para os gadgets mundiais. Esta HTC que possivelmente nos mostrará o futuro HTC One M9 e o HTC One M9 Plus na MWC em Barcelona, tem todo o mundo de olhos atentos àquilo que possa vir a surgir.

Desta vez temos um novo leak ao que aparenta ser o futuro HTC One M9 Plus, ou pelo menos um protótipo dele. A traseira muito igual a si só, a HTC continuou o design de classe e qualidade que demonstrou no HTC One M8. O terminal com a traseira em Metal, dual câmara e ao que aparenta dual Flash, executa umas linhas cuidadas e premium como a HTC nos tem habituado.

Relacionado: HTC Hima Ace com flash triplo e ecrã sem margens- Concept

HTC-One-M9-Plus-2-copy.jpgHTC-One-M9-Plus-copy.jpgHTC-One-M9-Plus-1-copy.jpg

Já quando olhamos para a frente do terminal, parece que temos um DeJá Vu com aquele botão abaixo. Certamente aquele botão será também o leitor de impressões digitais e atrevo-me a dizer que a HTC deve ter desmontado alguns Galaxy S5 para retirar o botão e colocar neste novo terminal.

Fora isso vemos acima a coluna e uma câmara frontal ainda sem especificações detalhadas. Quanto ao ecrã, vemos um 5.5"Polegadas QHD, processador Snapdragon 810 e 3GB de RAM.

Já não é o primeiro leak que a HTC nos tem mostrado, desde o alegado M9 ou protótipo do M9 temos agora este HTC OneM9 Plus, ambos certamente poderão ser apresentados na MWC em Barcelona a Março.

Talvez queiras ver:

Diz o que tens em mente nos comentários abaixo. E que tal ajudares um projeto Português? Sabe mais

Queres ser nosso amigo? Segue-nos nos meios de comunicação.

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.