Muitas aplicações já foram removidas da Windows Store

Pedro Henrique

Faz amanhã um mês que a Microsoft iniciou a sua pequena (grande) arrumação à Windows Store, onde se comprometeu a tirar da loja de aplicações aquelas cuja relevância fosse zero, por vários motivos.

Vê também: segunda fonte. Aqui, a diferença chega a ser de mais de metade mas, como foi dito anteriormente, essas aplicações saíram da Windows Store porque não fazia qualquer sentido estarem lá.

O que será que aconteceu à Windows Store portuguesa? Será que as aplicações eliminadas farão falta aos utilizadores ou nem por isso? Em princípio não, as regras da Microsoft eram muito claras e só um programador menos atento ou mesmo desinteressado é que podem não ter feito nada para impedir a saída de aplicações suas desta loja que, embora mais pequena, está bem mais limpa.

Talvez queiras ver:

Microsoft irá revelar mais detalhes sobre o seu Windows Holographic VR em dezembro

Próxima grande atualização para o Windows 10 ficará conhecida como Creators Update

SlimSocial é a nova (e boa) alternativa ao Facebook para Windows 10 Mobile

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Fã incondicional de tecnologia e cultura quer partilhar o conhecimento adquirido com todos.