Motorola está a desenvolver um vidro para smartphone que se auto-repara!

Rui Bacelar
Motorola smart glass smartphone
Este é o maior pesadelo para muitos de nós

Quem nunca deixou cair o seu smartphone e deu por si horrorizado ao pegar num equipamento com a tela / ecrã estilhaçado? A dor, a agonia e o desespero em torno de um display arruinado. As despesas inerentes e o stress associado. Algo que a Motorola está a tentar resolver com esta sua nova tecnologia. Caso consigam seria um autêntico milagre!

Vê também: Nokia 8 – 5 pontos cruciais para o sucesso deste smartphone Android

É verdade, a Motorola está a estudar e a tentar desenvolver um smartphone cujo ecrã / tela se auto-repara. Parece algo retirado de um filme de ficção científica mas a última patente desta marca que agora está sob a alçada da Lenovo deixa-nos com alguma esperança.

Chama-se "smart glass" (vidro inteligente) e pode mudar a nossa vida e eliminar o receio patológico de quebrar / trincar o vidro do nosso smartphone.

Vidro "smart glass" da Motorola pode mudar as nossas vidas

Não estou a exagerar quando digo que todos odiamos deixar cair o nosso smartphone, sendo o risco de uma tela/ ecrã quebrado bem real. Hoje ficamos a conhecer a explicação da Motorola e é bastante complexa.

Lembram-se do filme "The Dark Knight" quando o ator Morgan Freeman na personagem de Lucious Fox mostra ao ator Christian Bale na personagem de Bruce Wayne aquilo a que ele chama de "Memory Cloth" ou tecido com memória? Bom, o conceito da Motorola é bastante semelhante.

Motorola smart glass smartphone
Patente da Motorola - crédito: Slashgear

Em vez de uma corrente elétrica para ativar os componentes e moléculas do vidro da tela / ecrã a Motorola utiliza o calor e em vez de um tecido bem, estamos aqui a falar do vidro (polímero transparente semelhante a vidro) que reveste e protege o display do smartphone. O resultado? Um smartphone cujo vidro (smart glass) se auto-repara.

Patente da Motorola promete acabar com este pesadelo

A Motorola descreve esta inovação aplicada ao smartphone, sendo este smartphone um mero exemplo da aplicação desta tecnologia e fá-lo parecer bastante simples, pelo menos à superfície.

O smartphone iria detetar qualquer defeito, quebra, trincadela ou arranhão na sua superfície externa e, imediatamente o utilizador (humano) iria ser notificado para que se pudesse efetuar uma ação.

Motorola smart glass smartphone
Patente da Motorola - crédito: Slashgear

A Motorola detalha este processo de reparação automática do vidro com elementos térmicos. Em suma, o calor que o próprio smartphone gera seria aplicado ao vidro smart glass para que este se reparasse de dentro para fora.

A energia térmica iria despertar a memória das partículas de polímero que compõe o vidro, restaurando este a sua forma original e acabando por reparar aquela trincadela ou quebra assustadora.

Mesmo assim, o smartphone não estará totalmente livre de perigo

Acima podemos ver um esboço de um dos métodos sugeridos pela Motorola para identificar os pontos / áreas que apresentam danos físicos notórios.

O utilizador iria contornar a área afetada e a precisar de restauro de forma a que o smartphone possa identificar a área onde terá que aplicar calor. Em seguida começaria o processo de auto-reparação deste vidro smart glass, um composto de polímeros transparentes.

A Motorola foi muito cuidadosa na sua descrição desta tecnologia e afirmou que nem sempre será possível corrigir todas as trincadelas perfeitamente. Segundo a marca "para reverter pelo menos algum grau de deformação", logo, nem todos os dados terão solução.

Especialmente se a queda for particularmente grave e o dano resultar numa tela / ecrã irremediavelmente quebrada. Se estilhaçar completamente, se faltar matéria ao ecrã (isto é, se perder algum pedaço do vidro). Será impossível repor a matéria perdida.

Quando é que a Motorola lançará um smartphone com este display?

De momento estamos apenas a olhar para a submissão de patentes pela Motorola e não sabemos quando, se e em quê é que a Motorola pode aplicar esta sua tecnologia. Será o fim do pesadelo dos ecrãs / telas riscadas mas não impedirá que alguns ecrãs / telas fiquem irremediavelmente quebrados.

Mesmo assim, se o display não perder sensibilidade ou não sofrer o efeito burn-in devido ao calor aplicado, seria uma excelente novidade e um grande avanço tecnológico.

Vidro inteligente seria um avanço face à tecnologia Shatter Shield Display da Motorola

A marca utiliza atualmente a tecnologia "Shatter Shield Display" que também utiliza uma junção entre vidro e plástico para impedir que a tela / ecrã dos seus Moto Z e Moto Z2 Force estilhassem.

Contudo, é uma tecnologia que apresenta algumas desvantagens pois apesar de não estilhaçar, o ecrã risca com muita facilidade como podem ver aqui.

Para o utilizador comum a presença de um vidro inteligente seria uma mais valia incrível. O medo de danificar permanentemente o ecrã ou tela do nosso smartphone é algo que nos assola diariamente e simplesmente poder respirar de alívio quando o nosso dispositivo nos escapa das mãos seria algo...incrível!

Para mais informações sobre smartphones e tudo sobre tecnologia falada em português segue a 4gnews. Acompanha-nos no Facebook, Instagram e claro, no YouTube onde terás também as nossas LiveCasts semanais. Descarrega a nossa APP gratuita para Android e nunca percas uma notícia, dica ou análise.

E tu, já alguma vez quebraste o ecrã / tela do teu smartphone? Como foi a tua reação?

Outros assuntos relevantes:

Google Pixel 2 passa pela FCC e revela a sua funcionalidade Active Edge

Samsung Galaxy Note 9 poderá vir a detectar o álcool no sangue

Dica – App exclusiva da Google está agora disponível para todos os Android

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.