moto x force Lenovo
Moto X Force da Lenovo

A marca Motorola foi desde sempre uma das referências no mercado das telecomunicações. Digamos que há uma década atrás esta era uma das marcas com maior prestigio no mercado, mas que à semelhança de muitas outras quase desapareceu por completo do mercado. Agora, poderá dar lugar definitivo à Lenovo.

A decisão da Google em comprar a Motorola foi a melhor coisa que poderia ter acontecido à marca. Sob a tutela da Google, a Motorola foi capaz de renascer das cinzas e tornar-se novamente referência num mercado cada vez mais feroz. Mas como nem tudo são rosas, esta divisão de hardware deu muito prejuízo à Google, que acabou assim por vender a marca Motorola à chinesa Lenovo.

Sob o domínio da Lenovo, a Motorola lançou uma nova linha Moto no ano de 2015, apenas com uma ou outra diferença em relação aquilo que a Google fez no ano de 2013. Contudo esta poderá ter sido a última linha de equipamentos lançada com a marca Motorola. De forma faseada, a marca Motorola irá desaparecer do mercado, dando lugar apenas à Lenovo e quem o diz é o próprio COO da Motorola.

   

Vê ainda: Xiaomi Redmi 3 será apresentado já para a semana com construção metálica

 Lenovo Moto X Style
Lenovo Moto X Style

Esta fusão de marcas era já expectável à algum tempo, mas persistia no ar a dúvida sobre qual delas iria prevalecer. Hoje as dúvidas ficaram dissipadas e será mesmo a Motorola a sacrificada, mas não significa automaticamente o final da linha Moto. Aliás esta linha poderá muito bem continuar a ser desenvolvida, mas provavelmente iremos assistir ao lançamento de um Lenovo Moto X 4ª geração.

A fonte refere ainda que os próximos equipamentos desenvolvidos sobre este novo paradigma irão apresentar o logótipo azul da Lenovo, mas o M naquela concavidade abaixo da câmara traseira continuará a aparecer. Portanto as alusões à Motorola não irão desaparecer completamente.

Este é um dia triste para todos os fãs da Motorola, mas há que ver as coisas pelo lado de que a marca não irá desaparecer por completo do mercado. Esperemos que a Lenovo faço bom uso do know-how da Motorola e que o aplique nos seus equipamentos.

Talvez queiras ver:

Primeiro smartphone com Snapdragon 820 custará 600$ – LeTV Le Max

A BlackBerry rendeu-se ao Android e o BB10 pode ter os dias contados

Lenovo K4 Note anunciado em conjunto com headset VR

Viadroid life
Fontecnet

O gosto por tecnologia foi algo que esteve sempre dentro de mim. Com o crescer do mercado dos smartphones, também o meu entusiasmo com os mesmos aumentou. Já nos tempos livres, as séries são o meu principal mata-tempo.