motomaker droid

A Motorola renasceu das cinzas com o primeiro Moto X e Moto G. Uma empresa em que poucos acreditavam voltou do nada para ser umas das empresas com mais sucesso da América do Sul.

Mas o tempo passa e a concorrência aumenta, a Motorola foi comprada pela Lenovo à Google, conseguiu um modelo Nexus sem muita fama e um Moto X 2Gen que pecou na câmara. Resumindo, a empresa tinha este ano para retificar erros do passado. O Moto X Play, Moto G 3Gen e Moto X Style ainda estão longe das vendas dos seus antecessores mas a Motorola não pode parar e hoje temos mais dois terminais que vão exigir respeito, principalmente no mercado norte-americano, onde o foco de marketing será maior.

   

O Moto DROID Turbo 2 conta com um ecrã 5.4 Quad-HD AMOLED, processador Qualcomm Snapdragon 810, 3GB de RAM, câmara principal de 21MP, frontal de 5MP e uma bateria de 3750mAh com TurboCharge.

Já o Moto MAXX 2 conta com ecrã de 5.5 FHD, processador Qualcomm Snapdragon 615, 2GB de RAM, 16GB de memória interna e bateria de 3630mAh. Ambos os terminais contam com a mesma câmara e ambos têm a possibilidade de expandir a memória com um cartão microSD.

moto droid

O Droid Turbo 2 é sem dúvida o terminal mais respeitável e terá para além de excelentes especificações dignas de um Chuck Norris, isto é, aguentará bons tombos sem a mini paragem cardíaca. O Motorola Moto DROID Turbo terá o valor de 624$ para o modelo de 32GB. Já o MAXX 2 irá para os 384$, valores para os EUA, que não serão certamente os mesmos na Europa.

Continuamos à espera de confirmação oficial da Motorola Ibérica se os terminais serão ou não vendidos em Portugal.

Talvez queiras ver:

😉

ViaPhonearena
Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.