Motorola dá um passo atrás e ressuscita o seu topo de gama

Bruno Coelho
1 comentário

A Motorola regressou aos smartphones topo de gama com o Edge+, apresentado em abril. Mesmo tratando-se de um equipamento de 1199€, a fabricante só garantia até agora que o smartphone iria ser atualizado para o Android 11.

Depois das várias queixas dos utilizadores, a marca deu um passo atrás e em novas declarações revelou que afinal o equipamento também vai receber o Android 12. Resta saber se isto fará com que os utilizadores recuperem a confiança na marca.

Motorola Edge+ afinal também vai receber o Android 12

“Estamos excitados por partilhar que todos os compradores do Motorola Edge Plus vão desfrutar de uma experiência de Android 10 limpa e devem receber pelo menos duas atualizações do sistema operativo Android”, avançou a empresa em comunicado.

Estas declarações surgem depois de marca ter dito em entrevista ao Wired que o smartphone iria ser “atualizado para o Android 11”. Apenas uma grande atualização para um terminal desta faixa de preço seria dinheiro deitado fora pelos consumidores.

Motorola Edge Plus
Este é o Motorola Edge Plus

OnePlus é o melhor exemplo de atualizações no mundo Android

Na sua maioria, os smartphones topo de gama Android recebem duas grandes atualizações, como é o caso dos Samsung. Já a OnePlus vai mais longe, e prepara-se para atualizar o OnePlus 5 pela terceira vez.

Para quem procura equipamentos com maior longevidade no que diz respeito a atualizações, migrar para o iOS pode ser uma opção, já que atualizações durante cinco anos serão uma realidade. No Android, a dura realidade é de que além dos dois anos, é uma incógnita.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.