Moto E3 está longe de ter o mesmo impacto que os outros Moto E

Filipe Alves

O mais recente Moto E3, apresentado ontem pela Motorola, está longe de ter o mesmo impacto que os outros Moto E por algumas simples razões.

Quando a Motorola anunciou o Moto E a filosofia seria dar-nos uma gama-baixa com software stock Android e atualizações rápidas e constantes.

Vê ainda: Moto G4 são excelentes compras, em contrapartida, comprar um Moto E3 em 2016 parece-me um tiro no pé, principalmente quando temos excelentes gama-média, em lojas online, pelos mesmos 130€ que este smartphone será comercializado. Ou quando podemos juntar mais uns trocos que seja e comprar um Honor 5X ou mesmo um Bq X5 que são garantidamente um melhor investimento.

Talvez queiras ver:

  • Lançamento do LG V20 pode ser antecipado para os inícios de setembro
  • Como apanhar o Pikachu como primeiro Pokémon com um simples truque
  • Valve nega ligação com sites de apostas em Counter-Strike
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.