Misterioso smartphone Xiaomi mostra-nos a notch na parte inferior

Filipe Alves

A Xiaomi está recheada de smartphones no mercado. Temos os mais conservadores da gama "Mi". O Mi 9, por exemplo, é um smartphone topo de gama sem grandes irreverências estéticas. Porém, temos os "Mix" que nos dão uma câmara Slide, o Black Shark destinado a gaming, Pocophone a olhar para um topo de gama de baixo custo e agora os Redmi. 

Ou seja, a Xiaomi está cheia de equipamentos no mercado. Porém, nenhum deles se assemelha de perto a esta nova patente da marca asiática que nos mostra um smartphone com a notch na parte inferior. 

Xiaomi nova patente misterioso smartphone

Esta notch tem uma dupla câmara e em vez de ficar na parte superior do smartphone fica na parte inferior. Aliás, as duas patentes mostram-nos designs ligeiramente diferentes com abordagens irreverentes. 

Xiaomi já experimentou câmaras frontais na parte inferior e as reclamações eram muitas

A primeira temos uma notch no centro com a tal dupla câmara. A outra patente põe uma câmara em cada canto inferior do smartphone. Uma ideia pouco normal e que não vejo muito propósito. 

Xiaomi misteriosos smartphones

A Xiaomi já nos deu durante muito tempo a câmara na parte inferior do smartphone e a reclamação era sempre a mesma. Não tinha qualquer fundamento. Por isso é que vemos marcas a oferecer notches, buracos no ecrã ou até câmaras Pop-up. A Xiaomi deu-nos um slide no Mi Mix 3 e finalmente as minhas reclamações sobre o tema desapareceram. 

Certamente por isso é que não vejo muito propósito nesta ideia. Ainda que possam vir a ser smartphones super irreverentes, continuo a achar que o lugar da câmara frontal não é na parte inferior do smartphone. 

Em suma, são apenas patentes e nada mais. Nada nos garante que veremos um destes no mercado. Todavia, confirma-se o trabalho e desenvolvimento da Xiaomi no setor. 

Editores 4gnews recomendam:

Fonte | Via

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.