Microsoft confirma incompatibilidade do Windows 11 em chips Apple M1

Rui Bacelar
Comentar

A norte-americana Microsoft acaba de disponibilizar novas builds do sistema operativo Windows 11. A tecnológica afasta a hipótese de a nova versão do OS correr em máquinas com processador Apple M1, afirmando que tal possibilidade "não é um cenário suportado".

Para os entusiastas das modificações de software, hackintosh, ou dual boot em computadores Apple, fica assim descartada a possibilidade de poderem executar o sistema Windows 11 em computadores macOS, pelo menos para já.

Más notícias para fãs de dual boot em computadores Apple com M1

Apple M1 Microsoft Windows 11

A notícia foi primeiramente avançada pela publicação norte-americana The Register à medida que preparavam também o lançamento de uma nova campanha publicitária para o Windows 11. Recordamos que o sistema começará a chegar a todos as máquinas eleitas já no próximo mês de outubro, pelo que a antecipação é já notória junto dos utilizadores.

Mais ainda, a fonte refere ainda que a empresa norte-americana continua a aperfeiçoar o código-fonte do sistema nas mais recentes compilações. Este trabalho reflete-se no programa Windows Insiders, através dos canais de Dev e Beta, respetivamente.

A propósito, foi nestes canais internos que, muito recentemente, foi avistada uma máquina Windows 11 Virtual Machine. Na prática, uma máquina virtual a correr o Windows 11 (versão de testes) com o processador Apple M1, o chip mais recente de Cupertino.

Esta solução, contudo, apresentava problemas de compatibilidade de hardware, com vários erros a serem apresentados numa compilação (build) Dev Channel Windows Insider.

Windows 11 é incompatível com os chips da Apple aponta a Microsoft

Introducing Windows 11: a whole new way to experience your PC. pic.twitter.com/K03oI5jQNe

— Windows (@Windows) 9 de setembro de 2021

A mesma fonte - o The Register - inquiriu também a Microsoft sobre a existência de planos, futuros, para um Parallel Desktop em computadores Apple com chip M1. Novamente, a gigante de Redmond afastou tal cenário, apontando-o como não suportado.

Por outro lado, a Microsoft não fechou definitivamente a porta a uma tal possibilidade, limitando-se a afasta-la da lista de prioridades e cenários atuais. Face ao exposto, subsiste assim uma réstia de esperança para esta possibilidade.

Atualmente a Microsoft continua a trabalhar na disponibilização global, o lançamento geral do Windows 11 para todos os utilizadores e consumidores. Há ainda um número não determinado de otimizações e correções a efetuar antes do início desta fase crucial.

Veja-se, por exemplo, que de momento nem o seu Surface Pro X pode usar o Windows 11. Ora, sendo esta uma das melhores, mais caras e recentes máquinas Windows, a prioridade estará centrada em algargar o suporte para o novo OS a estes computadores.

Os fãs de dual boot e / ou hackingtosh terão que esperar. Por fim, vê todas as novidades desta atualização, bem como a data de chegada provável aos utilizadores e respetivas máquinas eleitas, espalhadas pelo globo.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.