Marshall Headphones Bluetooth
Os novos Marshall Monitor Bluetooth

Marshall. Uma das marcas mais conhecidas no mundo dos equipamentos musicais e inseparável do mundo do Rock’n’Roll, esta construtora também já se aventurou no mundo dos smartphones, para além de vários headphones. Hoje temos um novo par de Headphones topo de gama, agora sem-fios. Eis os Marshall Monitor Bluetooth.

Os novos Marshall Monitor Bluetooth são praticamente iguais ao modelo topo de gama, Monitor, diferenciando-se pela conectividade Bluetooth para que não precises de utilizar qualquer tipo de cabos para ouvir música no teu dia-a-dia.

Os novos headphones da Marshall visam proporcionar ao consumidor uma solução versátil para que te faças acompanhar da tua música favorita. Sem cabos (ou fios), é bem mais prático ouvir música, isto é um dado adquirido mas será que a qualidade se mantém?

   

Os Marshall Monitor Bluetooth

Marshall Headphones Bluetooth

Estes headphones suportam o codec habitual da ligação Bluetooth bem como o codec aptX para uma melhor qualidade de áudio. Possuem o perfil de som que já conhecemos da marca e, tal como o próprio nome indica – Monitor – são headphones que visam reproduzir o som fielmente. Sem dar demasiado ênfase aos graves ou agudos. Som neutro.

Prometem ainda uma autonomia para reprodução de áudio até 30 horas. Terás bateria para bem mais que um dia inteiro de usufruto da tua música. Temos também um botão, metálico, para controlares a reprodução das faixas, microfones duplos e uma construção bastante sólida, apesar de ser rebatível para poderes levar os headphones bem arrumados na sua caixa.

Apesar de serem headphones Bluetooth, estes Marshall possuem uma entrada de 3.5mm para que os possas utilizar mesmo quando a bateria se esgota. O preço destes Marshall Monitor Bluetooth é de $249 dólares e deverão chegar a todos os grandes mercados mundiais.

O futuro será sem-fios?

Quando escolhemos uns novos headphones temos que prestar atenção a vários factores. Em primeiro lugar, acabas sempre por receber aquilo por que pagas. Isto é, headphones mais caros utilizam materiais mais duradouros e confortáveis do que as alternativas baratas.

Marshall Headphones Bluetooth

O meu conselho é gastar pouco num par que seja par utilizar durante as deslocações diárias e gastar mais nos headphones que utilizes em casa, local onde terás mais tempo para ouvir música, provavelmente em formatos com melhor qualidade do que os serviços de stream como o Apple Music ou o Spotify.

Dicas à parte, creio que o futuro para o consumo de música será sem-fios. A maioria da população não sente necessidade, ou desconhece completamente o prodigioso som proporcionado pelos ficheiros em formato FLAC, ou do cancelamento ativo do ruído, ou das almofadas com espuma de memória e nem me adianto mais.

Não tenho dúvidas de que cada vez mais pessoas utilizam o seu smartphone como principal dispositivo de armazenamento e reprodução de música e o futuro passará (aliás, já passa), pela ligação Bluetooth. Esta já te dá um mínimo aceitável de qualidade, ainda que o DAC dos smartphones seja muito limitado (com algumas excepções como os LG de topo), a comodidade que uma ligação sem fios nos proporciona é inquestionável.
Gostarias de ver um guia/tutorial para escolher um bom par de headphone ou earphones? Deixa o teu feed-back e poderei compilar um artigo nesse sentido.

Outros assuntos relevantes:

Huawei P10 e P10 Plus – As maiores ameaças ao Galaxy S8 e S8+ ?

Snapdragon 835 vs Exynos 8895: Qual é o “motor” mais potente dos novos Galaxy S8?

Lojas Microsoft começam a vender Galaxy S8 e S8+ (Microsoft edition)

ViaGSMArena
Fontemarshallheadphones
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).