LG: smartphone com ecrã rolável poderá nunca chegar às lojas

Carlos Oliveira
Comentar

A participação da LG na CES 2021 ficou marcada pela revelação da primeira imagem do seu smartphone com ecrã rolável. Os detalhes acerca deste dispositivo não foram muitos, mas ficou a expectativa de um lançamento para as lojas em setembro.

Poucas semanas depois desse anúncio, o futuro deste smartphone rolável está em sério risco. Tal como aponta a publicação Korea Herald, o alegado LG Rollable pode nunca passar de um conceito.

LG Rollable corre sérios riscos de ser arquivado

É referido que o futuro deste smartphone rolável está "aberto a todas as possibilidades". Isto é o mesmo que afirmar que o futuro deste dispositivo é incerto, não estando garantido o seu lançamento nem o seu cancelamento.

LG Rollable

Muitos interpretam já esta posição como um cancelamento deste irreverente projeto. A perspetiva de um produto com escasso sucesso no mercado poderá ser decisiva para que a sul-coreana decida não avançar com o projeto.

Expectavelmente caro, o smartphone com ecrã rolável da LG corre o risco de ser ainda menos popular que o irreverente LG Wing. Este último terá vendido menos de 100 mil unidades desde o seu lançamento, apesar de ter arrecadado o prémio inovação na CES.

Provável desistência da LG do mercado de smartphones não ajuda

A cada vez mais iminente desistência da LG do mercado dos smartphones é outro ponto que em nada favorece o futuro do seu dispositivo com ecrã rolável. O atirar da toalha ao chão já foi dado a entender pelo CEO deste departamento.

Após a notícia de que Kwon Bong-seok terá admitido retirar a marca sul-coreana deste mercado, qualquer novo smartphone da empresa é posto em causa. Um cenário do qual não podemos, obviamente, excluir o LG Rollable.

Há um grupo vietnamita, o Vingroup, que estará bem posicionado para adquirir o departamento móvel da LG. Para já, isso não passa de um rumor, até porque a sul-coreana ainda não confirmou publicamente a sua intenção de vender esta parte do seu negócio.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.