LG G7 ThinQ: Todo de gama Android apostará forte na qualidade de som

Carlos Oliveira
LG G7 ThinQ Android
LG G7 ThinQ chega-nos no próximo dia 2 de maio

Estamos a poucos dias de vermos ser oficializado mais um topo de gama para o mercado Android. Na próxima quarta-feira a sul-coreana LG irá levantar o véu ao seu LG G7 ThinQ. Equipamento no qual a empresa deposita grandes esperanças numa recuperação no mercado.

A posição da LG no mercado mobile tem sido tudo menos a mais favorável. Há vários meses consecutivos que a sul-coreana tem reportado perdas significativas nesta área. Para tentar mudar este cenário, o LG G7 ThinQ foi repensado a partir do zero.

Vê ainda: Samsung Galaxy Note 9 chegará em duas variantes

São vários os aspetos que a própria empresa tem confirmado para o seu novo Android. Já tivemos a confirmação da nova tecnologia a ser empregue no seu ecrã. A Inteligência Artificial também será um dos destaques deste LG G7 ThinQ. A sua câmara fotográfica será a melhor alguma vez empregue num equipamento da empresa.

LG G7 ThinQ: Um smartphone Android com qualidade de som

Agora, para completar um pouco mais o puzzle, temos a confirmação de que a qualidade de som será valorizada no LG G7 ThinQ. Aliás, a sul-coreana é também conhecida pela qualidade de som que os seus equipamentos Android normalmente proporcionam.

Numa era em que cada vez mais empresas tendem a desistir do jack audio de 3.5mm, o G7 irá manter este pequeno componente. Será a conjugação deste componente com a tecnologia DTS:X 3D Surrond Sound um dos seus trunfos.

Esta tecnologia foi introduzida em 2016 e visa proporcionar uma experiência auditiva mais imersiva. Ela foi inicialmente concebida para funcionar em sistemas de som 7.1, mas pode ser adaptada a sistema com apenas duas colunas e um subwoofer e ainda earphones.

Outro dos trunfos auditivos do LG G7 ThinQ dará pelo nome de Boombox Speaker e será capaz de aumentar o som em 6dB. Será ainda capaz de duplicar o bass produzido pelo equipamento. Tudo isto proporcionado pelo facto de o mesmo poder atuar como uma câmara de ressonância.

Tal deve-se à inclusão de uma coluna de maiores dimensões no interior do equipamento. Esta utilizará o espaço livre dentro do mesmo para amplificar o som reproduzido. Uma funcionalidade que irá mostrar todo o seu potencial quando tiveres o teu smartphone colocado sobre uma superfície ou dentro de uma caixa.

O Hi-FI DAC não será esquecido

Por fim, não podemos esquecer a inclusão do Hi-Fi DAC, componente bem conhecido dos amantes da linha V. Este possui quatro conversores de audio digital para analógico. Será ainda capaz de reduzir a distorção para apenas 0.0002%. Não esquecer ainda o suporte a ficheiros MQA.

A cada dia que passa sabemos mais detalhes em torno deste novo topo de gama Android. A empresa tem tentado criar um certo hype em torno do smartphone, mas será que o mesmo surtirá efeito quando chegar ao mercado?

Assuntos relevantes na 4gnews:

ASUS Zenfone 5Z supera o Xiaomi Mi MIX 2S com recorde na AnTuTu

Samsung Galaxy A6 é agora completamente detalhado em vídeo

Apple trabalha num headset VR/AR sem fios e com ecrã 8K

Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.