A LG já prepara a Consumer Electronics Show (CES) de 2017 já no próximo mês de janeiro, em Las Vegas. Com efeito, alguns dos smartphones que a empresa coreana irá apresentar foram hoje anunciados pela própria.

São cinco smartphones, para ser mais preciso. O primeiro é o Stylus 3. Um phablet que, tal como o Stylus 2 – seu antecessor – vem acompanhado de uma Stylus-Pen. Este Stylus 3 não engana ninguém e, tal como a versão anterior, é um dispositivo acessível, que também traz uma caneta. Isto porque nem todos podem dar-se ao luxo de adquirir um Galaxy Note por uma verba próxima dos 1000€.

   

Quanto às especificações deste LG Stylus 3, temos o seguinte:

  • 5,7polegadas de ecrã com resolução HD;
  • Processador Octa-core MediaTek MT6750 a 1.5 GHz;
  • 3GB de RAM e 16GB de memória (expansível);
  • 13MP na câmara traseira e 8MP na câmara frontal;
  • 3200mAh de bateria, removível; e
  • Leitor de impressões digitais.

Este smartphone promete bastante já que tem especificações aceitáveis e alguns melhoramentos face ao modelo homólogo. Porém, ainda não há informações sobre o seu preço nem de quando chegará a Portugal.

Os restantes modelos anunciados pela LG pertencem à gama K, que começa a ter alguma expressão visto que os smartphones da mesma têm preços amigáveis. O primeiro aspeto a reter é que, tal como o Stylus 3, os novos K8 e K10 já têm Android Nougat. Os K3 e K4 é que continuam com Android 6.0.1, e não se sabe se virão a ser atualizados.

E embora possa parecer confuso, os novos K3, K4, K8 e K10 não terão nenhuma referência a 2017, pelo que poderá confundir-se um pouco entre os modelos de um ano e de outro. Isto deve acontecer porque a empresa coreana irá retirar os modelos antecessores do mercado não tarda.

LG K3 (à esquerda) e K4 (à direita)

Mas passemos às novidades. Pois bem, o K3 é o mais básico do “Quarteto K” e as suas especificações são as seguinte:

  • 4,5 polegadas de ecrã com resolução 480×854;
  • Processador Qualcomm Snapdragon 210;
  • 1GB of RAM e 8GB de armazenamento (expansível);
  • 5MP na sua câmara traseira e 2MP na frontal; e
  • 2100mAh de bateria (removível).

Já o K4 de 2017 será assim:

  • 5 polegadas de ecrã com resoluão 480×854;
  • Processador Qualcomm Snapdragon 210;
  • 1GB de RAM e 8GB de armazenamento (expansível);
  • 5MP nas câmaras traseira e frontal; e
  • 2500mAh de bateria (removível).

Como se pode ver pelas especificações, estes K3 e K4 são terminais muito modestos e mas que, dependendo do preço que lhes for colocado, não deixam de ser interessantes. Tudo dependerá da conduta da LG. Quanto aos K8 e K10, o cenário torna-se bem mais interessante.

LG K8 (à esquerda) e K10 (à direita)

O K8 terá as seguintes especificações:

  • 5 polegadas de ecrã com resolução HD;
  • Processador Qualcomm Snapdragon 425;
  • 1,5 GB de RAM e 16GB de armazenamento (expansível);
  • 13MP na sua câmara traseira e 5MP na frontal; e
  • 2500mAh de bateria (removível).

E, por fim, o mais aprimorado, o K10:

  • 5,3 polegadas de ecrã 2.5D com resolução HD;
  • Processador octa-core MT6750 da MediaTek;
  • 2GB de RAM e 16GB ou 32GB de armazenamento (expansível);
  • 13MP na câmara traseira e 5MP (Wide-Angle) na frontal;
  • 2800mAh de bateria (removível); e
  • Leitor de impressões digitais.

Com efeito, tendo em atenção o facto dos dois últimos dispositivos terem Android Nougat, os mesmos deverão ser satisfatórios para quem procurar algo simples. Não são, de todo, excelentes terminais mas, e olhando para o K10, percebe-se que, se o seu preço for devidamente ajustado, poderá ser bem sucedido.

Espera-se que sejam divulgadas mais informações sobre todos estes modelos já no próximo mês de janeiro. Parece que a LG não está para brincar em 2017 e ainda bem – mais uma empresa que tornará o próximo ano bem mais emocionante. Nunca o mercado de gama-média foi tão concorrido.

Talvez queiras ver:

Xiaomi Mi S poderá ser o “flagship” mais pequeno da empresa

Google é processada por um dos seus empregados por alegado programa interno de espionagem

Botão de emergência no Ulefone Armor é perfeito para os aventureiros

ViaPhoneArena
FonteLG
Desde cedo comecei a interessar-me pelo que podia fazer no computador. Porém, a grande paixão surgiu com o primeiro telemóvel e complementou-se com os smartphones. Nada há a dizer, são simplesmente fantásticos e úteis em todo o tipo de situações.