Lenovo Z5 Pro, concorrente ao Xiaomi Mi Mix 3, esgota em 1 segundo

Filipe Alves

Lenovo Z5 Pro, concorrente ao Xiaomi Mi Mix 3, esgota em 1 segundoAinda que o Lenovo Z5 Pro não seja propriamente um concorrente direto do Xiaomi Mi Mix 3, está a dar que falar por ser um dos 3 novos smartphones com uma nova ideologia de design.

O Xiaomi Mi Mix 3 e o Huawei Nova Magic 2 são topos de gama com o tal slide para a câmara frontal, já o Lenovo Z5 Pro é um gama-média com boas especificações e características com um preço impossível de não pensar.

Vê ainda: O que é o ‘Modo desempenho” nos smartphones da Huawei e como ativar

Aliás, o smartphone da Lenovo destaca-se do Xiaomi Mi Mix 3 na inserção do sensor biométrico no ecrã. Algo que o topo de gama da Xiaomi podia perfeitamente ter incluído e preferiu deixar de lado.

Lenovo Z5 Pro tem um design idêntico ao Xiaomi Mi Mix 3 e um preço mais vantajoso

O smartphone não é um topo de gama, contudo, tem especificações que valem a pena considerar pelos 250€ que é solicitado na China.

O Lenovo Z5 Pro chega com o processador Qualcomm Snapdragon 710, o mesmo do Xiaomi Mi 8 SE, 6GB de memória RAM e 64GB ou 128GB de armazenamento interno. Contamos ainda com uma dupla câmara traseira com 16MP + 24MP e uma dupla câmara frontal de 16MP + 8MP.

Estas câmaras câmaras frontais ficam atrás do ecrã no mecanismo de slide. Tecnologia que foi revelada inicialmente no Xiaomi Mi Mix 3 e logo de seguida no Huawei Honor Magic 2. Ademais, temos um ecrã de 6.39" polegadas com margens super reduzidas.

Com a saída do dispositivo para o mercado, o Lenovo Z5 Pro conseguiu uma promessa incrível. Com a promoção do dia 11-11 na China, um dos maiores websites do país (JD) referiu que o terminal foi um dos mais vendidos do dia e que esgotou em apenas um segundo. O novo Lenovo Z5 Pro conseguiu uns incríveis 500 mil registos para a compra do terminal.

Ainda que a China seja um país gigante, não deixa de ser impressionante o quão o Lenovo Z5 Pro criou impacto. O dispositivo ainda não está à venda em Portugal nem me parece que vá chegar às lojas físicas. Ou seja, para o comprares terás mesmo de ver quais as soluções online.

Editores 4gnews recomendam:

Samsung Galaxy M: O que sabemos sobre a nova gama de smartphones?

Apple Macbook Air (2018) com processador Intel i7 pode vir a ser real

Huawei Mate 20 Lite: Bem mais do que um smartphone de gama-média

Via

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.