Jaguar abandona os combustíveis fósseis! Só veículos elétricos a partir de 2025

Abílio Rodrigues
Comentar

A Jaguar anunciou que vai deixar de fabricar veículos movidos a combustíveis fósseis, abraçando os elétricos numa estratégia que será aplicada até 2025. Em 2030 a popular marca conta oferecer apenas soluções elétricas no seu portefólio, abandonando os carros a gasolina e os híbridos.

Para já a divisão Land Rover vai começar a dar início à transformação com lançamento planeado de 6 novos modelos depois de 2024. A Land Rover revelou ainda que 60% dos seus veículos serão 100% elétricos em 2030.

Jaguar vai abraçar em definitivo os veículos elétricos

Reimagine o futuro do luxo moderno.Nos próximos cinco anos, a #Jaguar renascerá como uma marca de luxo totalmente elétrica.Veja o anúncio feito pelo CEO da Jaguar Land Rover, Thierry Bolloré em https://t.co/jmVjCwrkgt. pic.twitter.com/p1CAomkejT

— Jaguar Portugal (@JaguarPortugal) 15 de fevereiro de 2021

O plano mais abrangente aponta para que todos os veículos Land Rover e Jaguar tenham direito a variantes 100% elétricas até ao final desta década.

A Land Rover vai recorrer a duas plataformas compatíveis com transmissões automotivas completamente elétricas. A EMA (Arquitetura Modular Elétrica) será a base para os seus modelos SUV e os híbridos vão assentar na MLA (Arquitetura Longitudinal Modular).

Já a Jaguar usará a sua arquitetura puramente elétrica para os seus próximos veículos. A marca anunciou ainda que vai abandonar o desenvolvimento da limousine XJ, cuja chegada era esperada para o presente ano.

Grupo Jaguar-Land Rover com investimento significativo no segmento

A marca revelou poucos detalhes adicionais acerca da sua estratégia para veículos elétricos e da inclusão do SUV I-Pace. Já os veículos híbridos e movidos a combustíveis fósseis das gamas E, XF, E-Pace e F-Pace serão substituídos por versões 100% elétricas.

O investimento da Jaguar neste segmento ficará na ordem dos £2.5 mil milhões de libras (cerca de 2.8 mil milhões de euros), com 40 milhões de euros já reservados para pagar as multas por não cumprir os objetivos europeus de emissões para 2020.

A Jaguar anunciou por fim o desenvolvimento de veículos movidos com recurso a células de hidrogénio, com os testes de estrada a arrancarem no espaço de um ano.

Editores 4gnews recomendam:

Abílio Rodrigues
Abílio Rodrigues
Apaixonado por tecnologia desde que montou o seu primeiro computador, continua em fase lua-de-mel com tudo o que envolva um processador e permita umas sessões videolúdicas.