Fonte: depositphotos
Fonte: depositphotos

A não ser que vivas debaixo de uma pedra, deves saber que Donald Trump foi eleito presidente do Estados Unidos da América e entrará em funções em meados de janeiro do próximo ano. Ora, uma das suas exigências poderá ser a relocalização das fábricas da Apple em solo americano, uma medida claramente protecionista. Conseguirá efetivamente fazê-lo? iPhones made in USA?

Donald Trump tem por hábito apresentar ideias à partida impossíveis ou surreais. Já em janeiro passado afirmou que, caso vencesse eleições presidenciais, iria adquirir a Apple para que todos os iPhones fossem construídos nos Estados Unidos. Algo que, de momento está entregue à mão de obra barata que podemos encontrar na China.

   

Trump vs Cook

Se pensas que este pode ser apenas mais um devaneio de Donald Trump desengana-te, uma vez que numa recente entrevista dada pelo próprio à The New York Times, Trump afirmou já ter conversado com Tim Cook sobre este assunto. Em seguida poderás ler as afirmações feitas pelo próximo presidente dos EUA:

"Eu recebi um telefonema de Tim Cook, e eu disse, 'Tim, sabes que uma das coisas que vai ser uma verdadeira conquista para mim é quando eu conseguir que a Apple construa uma fábrica enorme nos Estados Unidos, ou muitas grandes fábricas nos Estados Unidos. Em vez de ir para a China, Vietname ou para os lugares que vais, estás a fazer o teu produto aqui. ' Ele disse 'eu entendo' E eu disse: "Eu acho que vamos criar incentivos para ti e eu acho que vais com avançar com este projeto. Nós estamos prestes a fazer grandes cortes nos impostos para as empresas, o que te vai fazer ficar contente"

iphone-7-4gnews-9

Designed by Apple in California, made in USA?

Bem, esta não seria a primeira vez que a Apple iria produzir os seus equipamentos nos Estados Unidos, uma vez que a marca já produziu alguns dos seus Mac Pro numa fabrica no Texas há alguns anos atrás. Mas agora quais  serão as vantagens e desvantagens destas mudanças e no potencial retorno da produção de iPhones para solo norte-americano?

Vê também: iPhone 8, iPhone 7s e iPhone 7s Plus: Os smartphones Apple para 2017?

Vantagens, enquanto consumidor e enquanto cidadão europeu, creio que não vão ser nenhumas, uma vez que a qualidade dos equipamentos iria permanecer igual. Porém, uma das principais desvantagens seria a potencial subida de preços dos iPhones, uma vez que a marca obviamente não estará interessada em reduzir as margens de lucro.

Na minha singela opinião, creio que esta ideia não se irá concretizar, uma vez que a China já ameaçou parar de comercializar iPhones caso Trump inicie uma guerra comercial, o que iria prejudicar muito a Apple, mas quem sabe, uma pequena percentagem de iPhones venham a ser produzidos nos EUA.

E tu, o que pensas acerca desta ideia de Donald Trump?

Talvez queiras ver:

Pixel será o Android de gama-baixa da Nokia

iPhone 8, iPhone 7s e iPhone 7s Plus: Os smartphones Apple para 2017?

Meizu X em azul e com câmara dupla, simplesmente deslumbrante!


Fontetechnobuffalo
Sempre tive uma certa paixão por tecnologia, mas foi algo que se intensificou a cerca de um ano quando comecei a acompanhar mais o mundo mobile. Pretendo com esta colaboração trazer-te o melhor das novidades tecnológicas aqui na 4gnews! Espero que gostem do meu contributo.