iPhone 12 Pro Max é desmontado e revela o segredo da Apple

Rui Bacelar
Comentar

A Apple colocou grande ênfase nas capacidades fotográficas - e videográficas - contidas no iPhone 12 Pro Max graças à sua câmara principal consideravelmente maior. Mais concretamente, um sensor de dimensões nunca vistas num smartphone.

Agora, graças à iFixit, empresa norte-americana especializada em reparações de dispositivos móveis, podemos observar as reais dimensões do módulo fotográfico deste novo iPhone. Em particular, o sensor é realmente "enorme" para um telefone.

O grande segredo do Apple iPhone 12 Pro Max

Apple iPhone 12 Pro Max
Lentes e sensores do iPhone 12 (cima) e iPhone 12 Pro Max (baixo). Crédito: iFixit

Acima podemos ver a comparação entre a câmara principal - grande angular - do iPhone 12, em cima e a câmara principal - grande angular - do iPhone 12 Pro Max. Ambos os sensores têm a mesma resolução de 12 MP, mas o tamanho é bem distinto.

Com todo o módulo fotográfico a ser maior, no Apple iPhone 12 Pro Max temos a estabilização no próprio sensor. Algo que a gigante de Cupertino apelidou de "Sensor-shift", ou deslocação do sensor, ao invés do convencional sistema de estabilização ótica (OIS).

De acordo com a iFixit, a Apple poderá ter sido obrigada a fazer alguns compromissos para conseguir acomodar um sensor e restante módulo fotográfico num smartphone. Isto poderá explicar o porquê do "Sensor-shift" e não o bem estabelecido OIS.

O espaço é precioso e a câmara do iPhone 12 Pro Max ocupa muito!

Apple iPhone 12 Pro Max
Módulos fotográficos do Apple iPhone 12 Pro Max. Crédito: iFixit

Ao ser desmontado, o maior dos novos iPhone revelou a presença de outros componentes "XL". De acordo com o relatório, quase tudo no dispositivo parece ter sido melhorado e aumentado, incluindo o altifalante e o motor de vibração, o Haptic Feedback.

Comparativamente com o iPhone 12 mini, as diferenças são muito significativas. A bateria é um bom exemplo destas discrepâncias de tamanho, mas não a única, com a fabricante a aproveitar plenamente a maior área disponível no 12 Pro Max.

Outra das conclusões pungentes destaca e com razão que, para ter a melhor câmara, é necessário comprar o maior e mais caro iPhone da atualidade. Para os consumidores mais exigentes, o investimento em 2020 será neste modelo.

A iFixit desmontou iPhone 12 Pro Max

O procedimento foi devidamente registado em vídeo, com comentários pertinentes sobre o telefone e respetivos componentes. É possível ver ao pormenor o novo sensor de imagem ao minuto 37, bem como os demais sensores do iPhone.

Vale ainda frisar que o sensor principal do dispositivo é feito pela Sony, que também produz componentes para outros fabricantes como, por exemplo, a Samsung.

Em síntese, há realmente um grande sensor no iPhone 12 Pro Max, 47% maior que o do iPhone 12. Apesar de a resolução ser a mesma, a luz que cada píxel é capaz de receber e registar é significativamente maior no modelo de topo.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.