iphone 6 apple

 

Além do anúncio do novo Apple Watch, a Apple revelou algumas estatísticas interessantes sobre o ecossistema iOS. De acordo com o CEO da empresa norte americana, Tim Cook, desde o primeiro iPhone de 2007, a empresa de Cupertino já vendeu mais de 700 milhões de smartphones.Tendo frisado que isto foi possível graças ao iPhone 6, no qual foi o smartphone mais vendido no mundo, feito obtido no quarto trimestre do ano passado.

   

O iPhone de 4,7 polegadas juntamente com o de 5,5 polegadas literalmente arrasaram o mercado de smartphones com recordes de vendas consecutivos, demonstrando que os fãs da Apple, ansiavam há muito por um terminal mais ajustado aos dias de hoje.

Relacionado: Apple lança update do iOS 8.2.

Tim Cook teve oportunidade de mostrar um índice de satisfação do iPhone 6 e iPhone 6 Plus em que 99% dos compradores estavam satisfeitos, contra os 82 % de utilizadores do iPhone 5 (5s e 5c) com feedback positivo.

O primeiro iPhone surgiu com um ecrã de 3,5 polegadas tendo a Apple decidido manter neste elemento do hardware o tamanho original, ampliando somente só no lançamento do iPhone 5, recebendo então um ecrã de 4 polegadas. Isto numa altura em que os fabricantes de smartphones Android já estavam a usar ecrãs de 5 polegadas. Na altura muitos proprietarios do iPhone diziam que este tamanho era um exagero, por vezes mesmo com comentários depreciativos. Certo é que as vendas reais do iPhone 6 com 4,7 polegadas e do iPhone 6 Plus com 5,5 polegadas demonstram claramente que essas criticas não tinham fundamento. São os mais bem sucedidos produtos da Apple, e que ajudou a empresa a reforçar a sua posição no mercado de smartphones. Até o quarto trimestre do ano passado, a Apple conseguiu vender 74,5 milhões de iPhone 6 (e 6 Plus) enquanto a sua maior concorrente Samsung ficou com 73 milhões.

Talvez queiras ver:

Diz o que tens em mente nos comentários abaixo. E que tal ajudares um projeto Português? Sabe mais

Queres ser nosso amigo? Segue-nos nos meios de comunicação.

Façam-nos crescer com a vossa participação, nas nossas publicações do site e redes sociais. Partilhem e comentem, ajudem a crescer a tecnologia falada em português e com este espírito de equipe.