boritokep

O mundo das impressoras evolui muito no ultimo ano fazendo com que novas marcas entrassem para o mercado como foi o caso da bq ao apresentar as Prusa i3 Hephestos e a Withbox que valeu o quarto lugar no Top 15 da Quality Ratings da 3D Hubs, já as marcas com um grande portefólio na área tiveram que refazer as suas máquinas para continuarem na corrida, como foi o caso da HP.

Desta vez o que está a chegar não vem de nenhuma marca mas sim de um grupo de desenvolvedores que estão a desenvolver uma nova impressora 3D chamada Krak3n que pretende inovar mais um pouco no que já é a inovação das impressoras 3D trazendo um formato totalmente novo que foi projectado para fornecer aos utilizadores um sistema de impressão 3D de alta velocidade.10474180_350561165149523_7000320825117152311_n-300x169

   

A estrutura desta impressora foge do aspecto tradicional que faz da  Krak3n 3D a única impressora que elimina completamente carruagens lineares como muitas outras impressoras 3D e é construída usando um design modular para actualizações fáceis com outras funções, como um gravador laser.

A equipa de desenvolvimento está a trabalhar a todo o vapor para fazer a Krak3n chegar ao sistema de angariação de fundos no Kickstarter durante a abril deste ano, como acontece com os smartwatches Pebble.

A impressora está agora na segunda fase do protótipo e inclui características como uma calibração automática, juntamente com uma nova função chamada Printguard para monitorar materiais, progresso da impressão e capacidade de digitalização 3D.

Para além de uma impressora 3D a Krak3n pretende utilizar o seu sistema modular para incorporar um scanner e fazer da Krak3n  dois em um contra a concorrência que faz os dois em separado como é o caso da bq com as impressoras Pursa e o scaners ciclop.20150216134824-576x1024

Talvez queiras ver:

 

Sabe mais sobre a MWC nas nossas redes sociais com a HashTAG #4GNewsMWC

Diz o que tens em mente nos comentários abaixo. E que tal ajudares um projeto Português? Sabe mais

Queres ser nosso amigo? Segue-nos nos meios de comunicação.