xiaomi-redmi-4

A Xiaomi é uma das marcas chinesas mais conhecidas do mundo mobile, contudo já passou por melhores dias. Porém, isto não parece ser preocupação para Hugo Barra, vice-presidente global da marca, dada a sua mais recente afirmação:

“Poderíamos vender 10 milhões de smartphones e não fazíamos 1 cêntimo de lucro. Basicamente, estamos a vender os smartphones sem tirar lucro nenhum(…)”.

   

Xiaomi Hugo Barra

Esta afirmaçõe faz algum sentido, por mais hardcore que seja. Isto porque a marca não se limita apenas ao fabrico de dispositivos deste tipo e a sua principal fonte de rendimentos remete para  a produção de electrodomésticos inteligentes nas mais variadas áreas. Por sua vez, o vice-presidente da Xiaomi,  Liu De, afirmou em abril que espera que a venda de electrodomésticos inteligentes iria conseguir arrecadar 10 mil milhões de Yuans (aproximadamente, 1,5 mil milhões de dólares) até ao final do ano corrente, 2016.

Como podemos ver, mesmo que não tenha lucro no mundo mobile, a Xiaomi consegue-se continuar a lançar terminais e a inovar cada vez mais. Mas e tu, o que pensas acerca do futuro desta marca?

Talvez queiras ver:

LG G6 poderá chegar com bateria removível

Publicidade da Apple mostra-nos o que é o Natal para além da tecnologia

Bixby & Kestra: estes deverão ser os nomes da “Siri” da Samsung

ViaAndroid Authority
FonteReuters
Sempre tive uma certa paixão por tecnologia, mas foi algo que se intensificou a cerca de um ano quando comecei a acompanhar mais o mundo mobile. Pretendo com esta colaboração trazer-te o melhor das novidades tecnológicas aqui na 4gnews! Espero que gostem do meu contributo.