Huawei ultrapassa finalmente a Samsung, mas no mercado dos tablets

Vitor Urbano

Não é segredo que a Huawei tem como o seu principal objetivo conseguir ultrapassar a Samsung, e tornar-se na maior fabricante de smartphones do mundo. Ainda que esse objetivo não tenha sido alcançado, a fabricante chinesa conseguiu 'abrir as hostilidades', ao ultrapassar a Samsung no mercado dos tablets.

De acordo com informações divulgadas pela DigiTimes, a Huawei passou a ser a segunda maior fabricante de tablets da atualidade, relegando a Samsung para a terceira posição. Como seria de esperar, a Apple continua isolada na primeira posição, especialmente depois de lançar os seus novos iPads.

Huawei Tablet Samsung

Embora o mercado dos tablets continua a apresentar consecutivas quedas no número de vendas, continua a merecer não só a atenção dos utilizadores, mas também das fabricantes. Durante o primeiro trimestre de 2019 foram vendidos mais de 37 milhões de tablets globalmente.

Um segmento que se está a adaptar às necessidades dos utilizadores

Durante algum tempo existiu uma grande oferta no mercado dos tablets. No entanto, com a grande evolução no mundo dos smartphones, os tablets acabaram por passar lentamente para segundo plano. Especialmente com a dimensão dos ecrãs dos smartphones cada vez maior, oferecendo uma excelente experiência de consumo multimédia.

Para que os tablets continuem a apresentar-se apelativos para os consumidores, precisam de se adaptar às suas necessidades. Durante o primeiro trimestre deste ano, as vendas de tablets de 7" e 8" polegadas caíram quase 7%, confirmando que os utilizadores procuram alternativas de maiores dimensões.

Curiosamente, a Samsung apresentou recentemente o novo Galaxy View 2. Apesar de se apresentar praticamente como uma 'Smart TV portátil', poderá ser exatamente o caminho a seguir.

Tablet Huawei

Precisamos de uma revolução no design dos tablets!

Além das suas dimensões e especificações, os tablets precisam de começar a receber finalmente uma revolução no seu design. A grande maioria continua a apresentar um design idêntico há vários anos. Enquanto nos smartphones estamos a chegar a um ponto onde se consegue oferecer uma verdadeira experiência fullview, o contrário acontece nos tablets. Não existe ainda um tablet que esteja sequer perto de oferecer uma experiência sem margens.

Caso isso venha a acontecer em breve, podemos esperar que os utilizadores voltem uma vez mais a mostrar interesse neste segmento. Além disso, esta poderá ser também a melhor forma de conseguir aumentar as dimensões dos seus ecrãs, sem necessitar de aumentar a dimensão do seu corpo.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.