A Huawei está a mostrar à Samsung como se faz para vencer

Vitor Urbano

Desde o ano passado que a Samsung 'passeia com um alvo na testa'. Depois do CEO da Huawei ter declarado oficialmente que o seu principal objetivo é, terminar o ano de 2019 como a maior fabricante de smartphones do mundo.

Na altura, estas pareceram afirmações demasiado ambiciosas e até um pouco irrealistas. No entanto, a Huawei tem conseguido mostrar à Samsung qual o segredo para vencer na atual situação do mercado dos smartphones.

Samsung Huawei

Ainda que 2018 tenha apresentado um declínio no número de smartphones vendidos globalmente, a Huawei apresentou um incrível crescimento de 34,5%. Sendo apenas acompanhada pela Xiaomi (31,6%). Por outro lado, a Samsung continua um declínio preocupante, perdendo 7,2%.

A este ritmo, a Huawei não dará hipóteses à Samsung em 2019

Já não é novidade que a Samsung está a enfrentar grandes problemas no seu departamento de smartphones, especialmente depois de terminar o ano com o pior trimestre dos últimos tempos.

Por isso mesmo, estamos a ver a fabricante sul-coreana implementar novas estratégias. Com o intuito de tentar reconquistar a posição de destaque que teve em tempos. Para isso, está a apostar em mais inovação nos seus smartphones gama-média, introduzindo até a nova família Galaxy M.

No entanto, as grandes esperanças estão no sucesso atronómico que esperam alcançar com os novos Samsung Galaxy S10. Mas, tudo indica que a Huawei vai continuar a conquistar terreno e poderá não dar qualquer hipótese de resistência à Samsung.

Huawei continua a apostar na 'receita perfeita' para o sucesso

Desde há uns anos para cá, que a fabricante chinesa continua a apresentar um crescimento que muitos acreditavam não ser possível. Contra tudo e todos, começa finalmente a fazer frente às duas gigantes - Samsung e Apple - que dominaram o mercado na última década.

A sua estratégia é muito simples. Lançar no mercado smartphones extremamente atrativos em termos de especificações, com preços difíceis de resistir. De certa forma, uma abordagem semelhante à realizada pela Xiaomi.

Os seus smartphones topo de gama são verdadeiras máquinas, destacando-se especialmente pelas suas capacidades fotográficas. No entanto, o grande segredo está no sucesso dos seus smartphones gama-média.

A forte presença em lojas físicas, aliadas ao sucesso online da sua subsidiária - Honor - traduziram-se nos melhores resultados alguma vez alcançados pela fabricante. Ainda mais, julgando pelo forte início de 2019, não mostram qualquer intensão de abrandar o ritmo.

Editores 4gnews recomendam:

Samsung Galaxy S10 Plus: Este é o design (quase) oficial!

OnePlus destrói Apple e Samsung no segundo maior mercado do mundo

Samsung Galaxy S10 Plus já tem um concorrente à altura!

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.