Huawei anuncia o MateBook D (2018) com os novos Intel Core

Rui Bacelar
Huawei MateBook D
A tecnológica chinesa acabou de apresentar uma versão reforçada da sua linha de portáteis

Um dos primeiros computadores laptop a utilizar a nova geração de processadores Intel Core, os Intel Core de 8ª geração foi a Xiaomi com o seu Notebook Pro. Produto que foi lançado há cerca de 3 meses atrás. Agora, a Huawei, líder de mercado na China e 3ª maior construtora mundial de dispositivos móveis decidiu renovar uma das suas linhas de dispositivos, os computadores Huawei MateBook D.

Claramente decidida a ter sempre uma resposta para cada novo lançamento de toda e qualquer rival. A Huawei não quis ficar atrás da Xiaomi e renovou os seus Huawei MateBook D, preparando-os já para o novo ano de 2018. Para tal, melhorou o processador e também o departamento gráfico deste seu produtos. Manteve, contudo, os traços da geração anterior.

Vê ainda: 12 aplicações gratuitas na Google Play Store para o teu Android

A primeira geração de computadores foi lançada no início deste ano. São eles os Huawei MateBook D, E e MateBook X. A marca anuncia agora uma edição renovada e atualizada do seu MateBook D (2018). Note-se que o design e qualidade de construção do novo computador portátil permanece exatamente igual à do seu antecessor, traz um dos novos processadores Intel Core e também uma nova placa gráfica.

Huawei MateBook D (2018), agora com os novos Intel Core

Com um corpo e construção metálica com apenas 16,9mm de espessura, o novo Huawei MateBook D (2018) continua a ser extremamente elegante.

Conta com um ecrã ou display de 15.6 polegadas que ocupa 83% de todo o painel frontal. Tal e qual o modelo anterior. O seu exterior é exatamente igual ao novo modelo.

Este ecrã tem uma resolução Full-HD (1920 x 1080 pixéis) com um ângulo de visão de 178 graus. Tem um brilho máximo de 350 nits e um colour gamut de 45% NTSC. Mais uma vez, à primeira vista poderíamos até pensar que nada mudou. Temos que olhar para o seu interior. Aí sim, temos as novidades!

Huawei MateBook D Intel Core
A nova geração de computadores mantém a aparência mas reforça o interior

Com efeito, no seu interior temos os novos Intel Core, ou melhor, um novo processador Intel Core, o Core i5-8250U de 8ª geração. Conta com uns 8GB de memória RAM. Esta será a configuração base do computador da Huawei. Estará disponível com duas opções de memória interna (armazenamento). O utilizador poderá optar por 128GB SSD, complementados por 1TB HDD.

Processadores Intel Core de 8ª geração equipam os Huawei MateBook D (2018)

Ou então, caso prefira, poderá optar pela variante de topo. Esta conta com o processador Intel Core i7-8550U CPU com 8GB de memória RAM. Temos ainda 128GB de SSD + 1TB em HDD para armazenamento adicional.

Relativamente ao departamento gráfico estes novos computadores utilizam a placa Nvidia MX150 ao passo que a versão anterior deste computador Huawei utiliza a gráfica Nvidia 940MX. Temos ainda uma bateria de 43Wh que, segundo a marca, será capaz de te proporcionar até 10 horas de utilização. Vão ainda mais além ao dizer que a bateria será capaz de proporcionar 8.5 horas de reprodução de vídeo.

Estes Huawei MateBook D (2018) estão também equipados com um sistema de som panorâmico da Dolby. Com duas portas USB 3.0, uma porta USB 2.0 e uma porta HDMI. O portátil em si tem uma antena dupla para a recepção de sinal Wi-Fi, de forma a garantir uma maior e melhor recepção.

Para acompanhar os Huawei MateBook D (2018) a marca incluiu um carregador leve. Pesando apenas 175 gramas será capaz de alimentar este computador. Já a nível de preços, a versão base com o Intel Core i5 e 128GB SSD + 1TB HDD custará o equivalente a 791 dólares. Isto no mercado chinês. Já a versão de topo com o processador Intel Core i7 custará o equivalente a 1020 dólares.

Ambos os modelos utilizarão o sistema operativo Windows 10. De momento não temos qualquer informação sobre a sua possível chegada a outros mercados que não a China. Caso tal aconteça, serão os primeiros a saber.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Xiaomi Mi Max 3 será um monstro com 5500mAh e ecrã de 7 polegadas!

Snapdragon 670 – o próximo “coração” para smartphones da Qualcomm

OnePlus 5 – Android Oreo 8.0 chega oficialmente com a OxygenOS 5.0

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.