Huawei. Meta delineada para 2018 vai de encontro ao objetivo da Apple

Pedro Henrique

Huawei P20 Pro Android Oreo Apple Samsung2018 está a ser (e será), como se esperava, um ano importantíssimo para a Huawei, Apple, Samsung e muitas outras empresas do setor mobile. Afinal, seria mais um ano em que estas e outras empresas teriam de mostrar o que realmente querem.

Isto é, a maturidade do mercado em questão é algo fundamental. A Huawei, por um lado, pensa como poderá oferecer algo premium a um preço capaz de aliciar um público mais vasto.

Vê ainda: Tesla – Elon Musk adquiriu mais de 70 mil ações por 25 milhões de dólares

A Apple, por outro, tentará conquistar novos mercados, com novos iPhone. E a Samsung, por último, vai liderando o que quer, tentando liderar o que ainda não lídera.

Seja como for, todas estas empresas e muitas outras acabam por se guiar por um conjunto variado de fatores. Nomeadamente, aquilo que são os objetivos económicos de ambas. Por exemplo, o nível de vendas.

Huawei, Apple e Samsung...Todas tentam alcançar mais e mais!

Com efeito, a Huawei definiu que, para 2018, o objetivo passaria pela venda de 200 milhões de unidades. Afinal, no ano anterior, a empresa chinesa havia vendido cerca de 153 milhões de smartphones. Por que não fazer melhor? Pois. Vale a pena tentar.

Do mesmo modo, uma meta como essa só levaria a empresa a uma aproximação ainda mais feroz daquilo que a empresa de Cupertino fez no ano passado. Ou seja, colocá-las-ia a par.

E essa é a melhor parte. Duas empresas tão distintas, com estratégias tão diferentes, podem ter a possibilidade de alcançar objetivos semelhantes. Não é impressionante? Sem dúvida.

Todavia, só os dados concebidos no mês de dezembro poderão dizer se tal foi conseguido, seja pela Apple, pela Huawei ou pela própria Samsung. E ainda falta bastante, essa é a verdade.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Rumor. Apple iPhone X Plus não terá câmara-tripla na parte traseira

OnePlus 6 soma e segue e continua a bater recordes!

Samsung Gear S4 será apresentado aquando do Galaxy Note 9

Fonte | Via

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Fã incondicional de tecnologia e cultura quer partilhar o conhecimento adquirido com todos.